×
Loading ...

O fogão infravermelho e o halogênio são seguros para cozinhar?

Atualizado em 19 julho, 2017

Os métodos para cozinhar alimentos eram limitados entre equipamentos a gás, elétricos, ou até mesmo micro-ondas. Entretanto, os avanços tecnológicos vêm introduzindo novos métodos, como fogão halogênio e fogão infravermelho.

Os métodos para cozinhar não se limitam a equipamentos a gás e elétricos (Creatas Images/Creatas/Getty Images)

Tecnologia halogênica

Os fogões de halogênio funcionam com a substituição da bobina de resistência de metal em uma tampa de vidro por uma lâmpada de halogênio. Eles combinam a facilidade de instalação de um equipamento elétrico com o máximo de controle e capacidade de resposta de um equipamento a gás. Além disso, são fáceis de limpar.

Loading...

Segurança em relação ao halogênio

Esses equipamentos possuem uma camada refletiva para concentrar toda a energia na panela. Além disso, embaixo há uma camada de isolamento. Outro componente é um limitador de temperatura para evitar que o equipamento fique muito quente.

Tecnologia infravermelha

A energia infravermelha é o mesmo tipo de energia da luz. Entretanto, ela possui um espectro mais baixo e está fora da faixa que pode ser vista a olho nu. Nesse método, a energia infravermelha é direcionada à comida, semelhante ao que um pedaço de carvão incandescente faz.

Segurança em relação ao infravermelho

Os equipamentos infravermelhos usam 100% de energia infravermelha. Esse é o mesmo tipo de energia que aquece sua pele na rua.

Conclusão

Tanto o halogênio quanto o infravermelho são seguros para cozinhar alimentos. Ambos usam a energia da luz para isso; eles apenas não podem ser vistos no processo de cozimento.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...