Função do mercado secundário

Escrito por david ingram Google | Traduzido por diego feijo cabral silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Função do mercado secundário
Mercados secundários são subprodutos naturais dos mercados livres (rendu de monaie image by Philippe LERIDON from Fotolia.com)

Um mercado primário é um mercado formal que reúne os vendedores e os compradores originais dos produtos. Um mercado secundário é aquele no qual os compradores originais revendem o produto a terceiros. A distinção entre os mercados primários e secundários não é a mesma que a diferença entre atacado e varejo; ambas as indústrias podem ter mercados internos primários e secundários.

Outras pessoas estão lendo

Significado

As pessoas e as organizações que adquirem produtos nem sempre pretendem guardá-los para sempre. Talvez os compradores originais queiram substituir ou suspender o uso de um produto por razões que vão desde a atualização para uma alternativa de mais qualidade ao desejo de se livrar de algo que não foi usado. Quando os produtos indesejados ainda têm utilidade e são desejáves para os outros, não é economicamente justificável que o comprador original simplesmente jogue o produto fora. Os mercados secundários são o local em que os compradores podem se livrar de produtos indesejados sem desperdiçá-los.

Tipos

Os mercados secundários podem tomar várias formas, de comércios altamente informais, como vendas particulares e entre amigos, até mercados mais consolidados, como leilões de antiguidades. A internet deu origem a novos mercados secundários nacionais e internacionais para produtos, como o site de leilões online do Ebay.

Os instrumentos financeiros também podem ser vendidos em mercados secundários. Ações e hipotecas, por exemplo, podem ser comercializadas entre os investidores muitas vezes após a aquisição original.

Vantagens

Os mercados secundários oferecem vantagens tanto para os vendedores quanto para os compradores. Os vendedores têm a vantagem de efetivamente reduzirem o preço de aquisição dos produtos e investimentos através da recuperação de parte do valor que havia sido pago por eles. Os vendedores em mercados secundários para produtos ou investimentos financeiros que se valorizam podem realmente obter lucro na venda, ganhando mais dinheiro do que haviam pago originalmente.

Os compradores em mercados secundários têm a vantagem de obter acesso aos produtos em uma faixa de preço mais atraente do que o comprador original, na maioria das vezes. No caso dos mercados financeiros secundários em que os compradores pagam mais do que o vendedor havia pago originalmente, as aquisições são feitas com a esperança de que o investimento continuará a ser valorizado, tornando qualquer pagamento de bonificação na aquisição irrelevante.

Desvantagens

Se os mercados secundários crescerem muito, eles podem prejudicar as vendas e as margens de lucro do vendedor. Especialmente no caso de produtos duradouros como automóveis e instrumentos musicais, os mercados secundários podem estimular a aquisição de grandes quantidades de artigos usados em lugar de novos. Isso, por sua vez, pode fazer com que os fabricantes originais reduzam os seus padrões de qualidade para incentivar um ciclo de recompra mais curto de produtos que tenham um grande mercado secundário.

Falsificação

A falsificação é uma realidade que está sempre presente nos mercados secundários de produtos físicos. A sua natureza geralmente não regulamentada, especialmente entre os mais informais, acaba fazendo com que o comprador tenha a responsabilidade de garantir a autenticidade dos produtos, o que nem sempre é fácil.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível