Mais
×

Como funciona um medidor de energia elétrica?

Atualizado em 21 fevereiro, 2017
Uma lâmpada usa, em média, 75 Watts por hora (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

O que faz o medidor de energia

Os medidores de energia elétrica medem a quantidade de energia usada por uma casa em uma unidade chamada quilowatt-hora (kWh). A energia elétrica é medida em Watts. Os aparelhos elétricos são classificados por sua velocidade de consumo de eletricidade em Watts. Por exemplo, uma lâmpada incandescente típica usa 75 Watts, enquanto um micro-ondas usa 700 Watts. O kilowatt-hora é a quantidade de energia usada por um aparelho de 1.000 Watt em uma hora.

Como ele funciona

A maioria dos medidores é alimentada por um disco de metal em rotação. A eletricidade oriunda da casa passa pelo disco em espirais, o que gera um campo magnético. Esse campo impulsiona o disco, fazendo com que ele gire. Quanto mais energia for usada na casa, mais forte será o campo e mais rápido o disco girará.

Medidores eletro-mecânicos

O disco por si mesmo mede a quantidade de energia usada. Ele está conectado com uma série de relógios que registram essa medida. O disco é conectado, em primeiro lugar, com um relógio que dá a volta toda a vez que a casa usa um quilowatt-hora. Esse relógio está conectado por engrenagens com outro relógio, que gira 10 vezes mais devagar, dando a volta sempre que a casa usa 10 quilowatt-hora. Esse outro relógio está conectado com mais um de 100 quilowatt-hora e assim por diante até os 10.000 quilowatt-hora.

Medidores modernos

Apesar dos medidores eletro-mecânicos funcionarem muito bem, eles têm um grande contra: uma pessoa tem que sair e observar cada relógio individualmente. Os medidores modernos contornam isso, mandando a informação diretamente de volta para a empresa. Ao invés de usar uma série de relógios para mostrar as medidas, um computador registra digitalmente o número e manda para a estação de energia. Os técnicos só precisam sair para consertos e reparos.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article