Como funciona a remuneração "per diem" nos EUA?

Escrito por ashley mott Google | Traduzido por guilherme rocha
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como funciona a remuneração "per diem" nos EUA?
Aprenda o que é um trabalhador em "per diem" (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

O termo "per diem" é uma tradução direta do latim para as palavras "por dia". O sentido corporativo do per diem tem a ver com as diárias recebidas pelos funcionários viajando a trabalho dadas por seus empregadores. Funcionários que recebem o per diem devem compreender por inteiro o plano de reembolso de sua empresa, as consequências tributárias e as exigências contábeis do plano.

Outras pessoas estão lendo

Funções com diárias

Muitos funcionários recebem diárias quando estão viajando a trabalho. Servidores públicos, vendedores e pessoal de controle de qualidade em grandes empresas são algumas das funções e carreiras em que os profissionais dependem do per diem para cobrir os custos associados a deslocamento e acomodação. Essas diárias são pagas aos profissionais em viagens domésticas e internacionais.

Tabelas de diárias da receita federal dos EUA (IRS)

A receita federal dos EUA (IRS) tem tabelas de per diem que entram em vigor a cada ano no dia 1 de outubro. Elas contêm o valor máximo aprovado pela entidade para diárias em diferentes regiões na parte continental dos EUA. Essas tabelas trazem valores específicos para diversas grandes cidades norte-americanas e levam em consideração o custo de estadia, alimentação e transporte, que varia entre as regiões mais urbanas e outras mais afastadas. O IRS usa os termos CONUS e OCONUS em diversos formulários tributários ao se referir a taxas de per diem dentro e fora dos EUA, respectivamente.

Planos contábeis e não contábeis

Empregadores ou empresas com planos contábeis de per diem possuem um processo definido para provar a necessidade corporativa de uma despesa quando um funcionário viaja, para recolher dinheiro não gasto de uma diária em uma determinada viagem e para verificar o dinheiro gasto. O dinheiro recebido por um funcionário dentro de um plano contábil não é considerado renda e, portanto, não precisa ser registrado no formulário W-2 do empregado. Planos não contábeis reembolsam funcionários por despesas, mas não possuem todas as exigências de um plano contábil. A diária paga a um empregado sob um plano não contábil entra como receita para o funcionário e deve ser contabilizada como salário, com sua respectiva dedução fiscal.

Impostos

Se você for reembolsado por suas despesas, seu empregador as incluirá em seu formulário W-2 como receitas caso seja um plano de administração de diárias não contábil. Você ainda pode declarar sua despesa com diárias em seu imposto de renda ao preencher o Formulário 2016, Despesas Corporativas do Funcionário. Independentemente do plano que sua empresa usa para o reembolso, você deve sempre acompanhar de perto suas despesas ao viajar a trabalho. Mantenha recibos, contas e extratos de milhagem para entregá-los à empresa quando for necessário, e também para a hora de preencher seu imposto de renda sob um plano não contábil.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível