Como funciona o sistema Payoneer para os usuários brasileiros

Escrito por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como funciona o sistema Payoneer para os usuários brasileiros
O sistema facilita a transferência de dinheiro entre diferentes países (Digital Vision./Digital Vision/Getty Images)

A empresa Payoneer foi criada para facilitar as transações financeiras eletrônicas, principalmente entre pessoas em países diferentes. Geralmente, transferir dinheiro para outros países é uma missão burocrática que envolve altos custos em decorrência principalmente das taxas entre países e diferenças no câmbio de moeda para moeda. Por meio dos cartões da Payonner, as empresas conseguem remunerar funcionários e colaboradores no exterior com mais facilidade. Na outra ponta, o funcionário que recebeu o dinheiro pode gastá-lo como preferir: realizando saques em caixas automáticos ou utilizando a função de crédito ou débito do cartão.

Outras pessoas estão lendo

Origem

Com sede em Nova Iorque, nos Estados Unidos, Payoneer começou como uma start-up (empresas em desenvolvimento) até se estruturar no mercado global com um modelo de negócios focado em pagamentos eletrônicos pela internet e cartões pré-pagos. De acordo com a vice-presidente de desenvolvimento de negócios da Payoneer, Talia Mendelson, a empresa possui o objetivo simples de facilitar a vida de funcionários e patrões por meio da transferência de dinheiro sem complicações. O maior concorrente da Payoneer é hoje o PayPal, empresa pertencente ao grupo eBay, que foca seus serviços apenas em compras online.

Conceito

Assim como outras empresas do setor, Payoneer baseia-se no conceito do dinheiro digital. Como o sistema de retirada é internacional, a empresa realiza as transações de forma virtual. Esse conceito, também conhecido como dinheiro eletrônico ou moeda digital, troca o papel-moeda pelo valor monetário debitado de forma eletrônica, o que faz as transações na área de e-commerce, por exemplo, serem mais rápidas e eficientes. Uma das reclamações de muitos usuários é em relação às taxas cobradas, principalmente para saques no exterior. Saques em dinheiro utilizando os chamados ATM americanos (caixas automáticos) cobram a cada operação. As taxas variam de país para país.

Para os brasileiros

Para os usuários brasileiros, a melhor forma de utilizar os serviços de Payoneer é via um cadastro gratuito pelo site Payoneer.com. Depois de um cadastro simples - nome, endereço completo, telefone, login e senha -, a empresa encaminha um cartão de débito internacional da bandeira MasterCard. O cartão demora algo em torno de 30 dias até chegar ao endereço cadastrado. Para ativá-lo, você (ou sua empresa) pode fazer um depósito em dinheiro pelo site da Payoneer. Os brasileiros podem utilizar o cartão em caixas automáticos ou como débito no exterior.

Como funciona

Inicialmente, o sistema de Payoneer foi criado para facilitar a vida de empresas que possuem empregados no exterior. Hoje, a companhia tem uma gama de serviços para profissionais liberais, autônomos ou freelancers que trabalho no exterior, por exemplo. O cartão de Payoneer é usado por quem estuda fora do País e recebe recursos do Brasil e também por viajantes nos 210 países onde o MasterCard é aceito. A empresa oferece ainda serviços de pagamentos online e transferências bancárias. Basicamente, depois do cadastro, é preciso carregar o cartão via transferência bancária pelo site da empresa. Com o saldo na conta já é possível usá-lo com um cartão de débito e crédito normal. As taxas para saques em caixas automáticos variam de país para país.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível