Mais
×

O meu gato ficou mancando após uma distensão

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

As distensões ocorrem, com frequência, na sequência de um acidente, como uma queda ou um atropelamento, provocado por um veículo. Enquanto certos acidentes são inevitáveis, o simples fato de manter o seu gato saudável e em segurança poderá ajudá-lo a evitar lesões futuras. Dê ao seu animal comida saudável e limite as ameaças. Mantê-lo com um peso equilibrado, reduzirá o risco de lesões.

Os gatos de peso equilibrado ficam menos propensos a sofrer lesões, tais como distensões (Martin Poole/Digital Vision/Getty Images)

Sintomas

As distensões podem variar na sua gravidade, desde uma ligeira manqueira, que desaparecerá uns dias depois, à incapacidade para movimentar a perna lesionada. Além disto, os sintomas podem incluir inchaços e calor ao toque, nas articulações. O seu gato poderá, igualmente, morder ou miar, quando tocarem na perna lesionada.

O gato pode miar muito de dor (Martin Poole/Digital Vision/Getty Images)

Assistência veterinária

Os gatos que ficarem mancando devido à distensão, devem ser sempre levados ao veterinário. Mantenha o seu animal em um local sossegado, dentro de sua casa. Não o deixe correr ou saltar antes de procurar assistência médica. O veterinário poderá colocá-lo no chão, de forma a monitorar os seus movimentos, para determinar a dimensão da lesão. Poderá, inclusivamente, ser necessário fazer uma radiografia. O profissional poderá também anestesiar a área lesionada para realizar um exame físico geral, sem causar dor acrescida.

Gato no veterinário (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Tratamento

O tipo de tratamento a aplicar dependerá da gravidade da lesão. Distensões leves poderão exigir apenas alguns dias de imobilização e alguns medicamentos anti-inflamatórios, para reduzir o inchaço. As mais graves poderão exigir a aplicação de uma tala e algumas semanas de imobilização, além de tomar medicamentos. Se a distensão do seu gato for muito grave, a ponto de impedi-lo de caminhar, o recurso à cirurgia poderá ser necessário para reparar os ligamentos danificados.

Gato lesionado no veterinário (Comstock/Stockbyte/Getty Images)

Assistência domiciliar

Uma vez em casa com o seu animal de estimação lesionado, após ter sido sujeito aos cuidados médicos, siga todas as recomendações dadas pelo veterinário. Poderá ter de proceder a administração de medicação oral. Se uma tala tiver sido colocada no seu gato, você deverá mantê-la limpa e em boas condições. Se o seu animal não conseguir caminhar, mantenha-o dentro de casa para reduzir o risco de lesões. Deixe-o em um espaço próximo da comida, da água e da caixa de areia. Não permita que ele suba ou desça escadas.

Gato lesionado dormindo (BananaStock/BananaStock/Getty Images)
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article