Gel de metronidazol e a duração de efeitos colaterais

Escrito por faith davies | Traduzido por fellipe jardim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Gel de metronidazol e a duração de efeitos colaterais
Apenas o médico pode prescrever o uso de metronidazol (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

O metronidazol é um medicamento de prescrição usado para tratar a rosácea. Apesar de sua eficácia, o metronidazol não é para todos, uma vez que apresenta diversos riscos de efeitos colaterais e complicações em alguns pacientes.

Outras pessoas estão lendo

Importância

Aproximadamente 34% dos usuários de metronidazol experimentam efeitos secundários. Os efeitos colaterais geralmente começam dentro das primeiras aplicações e diminuem gradualmente uma vez que o corpo se torna habituado ao fármaco.

Tipos de efeitos colaterais comuns

Os efeitos colaterais comuns do metronidazol incluem faringite, infecções do trato respiratório superior ou sinus, dor de cabeça, dor nas costas, pele seca, coceira e queimação ou ardência após a aplicação do creme.

Características

Quando combinado com anticoagulantes, tais como a varfarina, o metronidazol aumenta o risco de sofrer hemorragia incontrolável durante uma cirurgia ou após uma lesão.

Riscos

O metronidazol leva à formação de carcinomas basocelulares, um tipo de câncer de pele, em cerca de 1% dos usuários.

Considerações

Em virtude do fato de que ainda não há evidência suficiente de que o metronidazol não tem efeitos indesejáveis ​​sobre o feto, os médicos não costumam prescrever o medicamento para mulheres grávidas. Se há uma história de discrasia sanguínea, provavelmente ele não prescreverá metronidazol pelos seus potenciais efeitos colaterais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível