Um grilo consegue viver seis meses sem a cabeça?

Escrito por michelle lancaster | Traduzido por allan magalhães
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Um grilo consegue viver seis meses sem a cabeça?
Um grilo negro "cantando" em um gramado (KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA image by guy from Fotolia.com)

Com tanta diversidade de vida selvagem ao nosso redor, existem muitos fatos divertidos e interessantes que não conhecemos muito bem. Essa falta de informação é a causa de lendas e velhos ditados que existem em relação aos insetos comuns, como o grilo.

Outras pessoas estão lendo

Regeneração

Vários estudos foram feitos utilizando as propriedades regenerativas dos grilos comuns. De acordo com a Universidade de Quioto, foi provado que um grilo pode regenerar uma perna, caso a tenha perdido. Contudo, não foi provado que eles poderão viver por um período de tempo significante após a cabeça ou outra parte do corpo, como o abdômen, for removida.

Geografia

Os grilos são encontrados em todo o planeta e o Minnesota Department of Natural Resources (Departamento de Recursos Naturais de Minnesota) afirma que os grilos comuns, principalmente os machos por suas habilidades de canto e luta, foram mantidos como animais de estimação em países como Grécia e China por mais de 2,500 anos.

Biologia

De acordo com a Universidade do Arizona (UoA), os grilos fazem parte da família Orthoptera (grilos e gafanhotos). Os grilos podem ser pretos ou marrons, e as asas dianteiras podem variar de tamanho, podendo ter metade ou o mesmo tamanho do abdômen. O tamanho das antenas geralmente vai da cabeça até o final do abdômen. A UoA lista uma das características interessantes dos grilos: eles possuem tímpanos ou ouvidos nas patas traseiras.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível