Guia para impressão de papel couché em offset

Escrito por wesley tucker | Traduzido por ana carolina fernandes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

O couché é um papel liso e brilhante mais usado em revistas, cartões-postais e panfletos de alta qualidade. Ele é fabricado da mesma maneira que o papel normal, com adição de uma camada fina de caulino (argila branca), um material de óxido de titânio. O couché é também um excelente meio de preservação de prateleiras e de fabricação de papéis mais resistentes à água e à coloração. Essa é uma opção sempre considerada por fabricantes e clientes. Esse tipo de papel tem vantagens e desvantagens na produção e distribuição.

Outras pessoas estão lendo

Considerações sobre o papel couché

Como papel couché é "duro", ou seja, não muito poroso, tinta e outras substâncias vão demorar mais para secar e serem definidas na superfície. Assim, o couché tem uma forte tendência de deslocar a tinta durante a impressão. Isso significa que a tinta úmida no topo de uma folha de papel será transferida para a parte de trás da folha seguinte colocada sobre ela, quando o papel sai da prensa. Para contornar essa situação, impressoras adicionam uma camada fina de pó microscópico entre cada folha. O pó atua como um agente de secagem e de barreira, impedindo as folhas de entrarem em contato direto entre si.

Vantagens do papel couché

O couché duro e de superfície brilhante reproduz fotografias e processa imagens com cores mais vibrantes e precisas. Quanto mais brilhante e mais branca a superfície, mais precisa será a reprodução de cor, já que há menos perda de contraste dentro da gama de cores da imagem. O papel couché também tem vantagens na prensa de encadernação. Ele é facilmente dobrado e grampeado, por isso é adequado para receber colagens e costuras. Todas essas considerações significam menos tempo na pós impressão para acelerar a conclusão do pedido e garantir uma entrega rápida para o cliente. É vantajoso para os clientes, que percebem uma melhor apresentação do material e, consequentemente, um maior apelo ao público-alvo.

Desvantagens do papel couché

Como há a necessidade de imprimir em papel couché em prensas com acessórios adicionais, tais como dispositivos de spray em pó e fontes de luz ultravioleta de secagem rápida (para acelerar o tempo de secagem da tinta e reduzir riscos de deslocamento), o uso do couché pode ter um preço mais caro por página do que o papel normal. Além disso, o quilo do papel couché é geralmente mais caro do que outros papéis de espessuras semelhantes. Um quilo de papel couché vai custar mais do que o dobro de um papel não revestido. Além disso, esse tipo de papel nem sempre é bem recebido por empresas de reciclagem, sem separação e manuseio especial.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível