História do projetor carrossel de slides da Kodak

Escrito por shawn m. tomlinson | Traduzido por isadora f. carvalho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
História do projetor carrossel de slides da Kodak
Kodak (Eastman Kodak)

Muito antes de a fotografia digital vir a ser o que é hoje, as melhores imagens no mundo criado por amadores e profissionais técnicos foram slides. Estas eram imagens positivas registradas principalmente em película de 35 mm, como o Kodachrome e, mais tarde, Ektachorome da Kodak e de outras marcas e outras empresas.

Outras pessoas estão lendo

História

Kodak introduziu o filme de slide, o Kodachrome, em 1934, mas ele não foi muito utilizado por anos. Quando ele começou a se popularizar, cada quadro do filme foi montado em papelão. Estes slides montados podiam ser impressos, mas a maioria das pessoas preferia projetá-los na parede ou em uma tela. Na primeira, as lâminas foram colocadas no projetor, um por um. Conforme a popularidade dos slides cresceu, pilhas de slides passaram a ser utilizadas. Estas eram essencialmente caixas longas que detinham slides e eram carregadas no projetor. Não foi até 1961, no entanto, que a Kodak introduziu o projetor carrossel.

Básico

O carrossel é essencialmente uma rosquinha, ou anel, de slides. Ele pode armazenar lâminas de 20, 36, 80 ou 140 slides. Ele é montado em cima do projetor de slides. O carrossel joga um slide no projetor, em seguida, puxa-o de volta, move o carrossel um slide e joga o próximo dentro. O projetor tinha um controle remoto que permitia que o apresentador mudasse de slides com o clique de um botão durante a apresentação.

História

Louis Misuraca criou o primeiro projetor carrossel para a Kodak, pelo qual recebeu um pagamento fixo - ele não recebeu quaisquer royalties. Tornou-se popular na década de 1960, quando Kodachrome estava no seu auge. Este filme, imortalizado na canção de mesmo nome por Paul Simon, tinha cores tão distintas que fotos impressas a partir do filme tinham qualidade inferior. A maioria das pessoas simplesmente comprava os carrosséis, inseria seus slides e mostrava slides em casa para amigos e familiares.

Características

Além de permitir a apresentação sequencial dos slides, os próprios carrosséis tornaram-se unidades de armazenamento. Cada um vinha em uma caixa resistente e capa, e as pessoas tendiam a enchê-los de slides em sua sequência preferida nessas caixas. Eles etiquetavam as caixas e as mantinham em estantes, a partir da qual eles podiam facilmente ser pegos e montados sem precisar organizar tudo cada vez que se fosse utilizar o projetor.

O fim

Ao longo dos anos, a Kodak fez algumas mudanças no projetor carrossel. Elas incluíram o aumento da capacidade de slides para 140 e fixaram o mecanismo de deslizamento de mudança para diminuir a chance de atolamentos de slides. Depois de uma grande popularidade com o público, a Kodak parou a produção do projetor de slides carrossel em 2004, 43 anos depois de sua invenção.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível