Qual importância de brincar no aprendizado e no desenvolvimento infantil?

Escrito por james withers | Traduzido por mariana korman
Qual importância de brincar no aprendizado e no desenvolvimento infantil?

Brincar é uma atividade fisica e intelectualmente estimulante para a criança

nice boy at playground image by Aleksey Kondratyuk from Fotolia.com

Sem brincar, o processo de aprendizado seria uma atividade obscura, que serviria apenas para sugar energia das crianças. Felizmente, brincadeiras criativas tornam o aprender um processo que as crianças esperam com gosto. Além disso, através da terapia lúdica, as crianças conseguem até aprender a superar problemas difíceis das próprias vidas.

Outras pessoas estão lendo

Benefícios cognitivos

Brincar geralmente é considerada uma atividade física, mas também envolve um alerta cognitivo. O "jogo da velha" e "damas" podem captar o interesse infantil mais do que um jogo de basquete. Eles demonstram que as brincadeiras também se misturam com o processo de aprendizado da criança. Jogos avançados, como xadrez ou cartas, cheios de regras, podem ensinar a importância de desenvolver estratégias. Estudioso em teoria de jogos, Drew Fudenberg, explica que nos jogos "dinâmicos", em oposição aos "estáticos", os participantes se movem sequencialmente várias vezes e aprendem com isso.

Interação

Com jogos, crianças aprendem formas novas de interagir com seus companheiros e compreendem estruturas sociais implícitas. Além disso, ensina como se comportarem na presença de outros, obedecendo regras de um jogo, resolvendo conflitos no parquinho ou criando empatia pelos colegas em atividades de teatro.

Reforço

Algumas lições não se aprendem apenas sentado numa classe escolar lendo um livro. Às vezes, brincadeiras trazem perspectiva para algo difícil de outra maneira. A comédia de um teatro escolar, por exemplo, tem significado somente se os alunos estiverem incentivados a se divertirem enquanto atuam. Mesmo conceitos científicos devem ser aprendidos assim. Utilizar um pente para demonstrar como a fricção pode criar eletricidade no cabelo de um aluno pode ser uma forma empolgante de aprender um conceito complexo. "Brincar não é apenas a maneira que as crianças têm de aprender sobre o próprio mundo, mas também de conhecer a si mesmas e como se encaixam nele, construindo conhecimentos e aprofundando a sua compreensão através do ciclo de aprendizado, essencial para crianças entenderem e fazerem", afirmam Joan Packer Isenberg e Nancy Quisenberry, da Association for Childhood Education International.

Terapia lúdica

Pesquisas psicológicas demonstraram que a terapia lúdica traz um recurso eficaz para crianças que lidam com estresse. Aquelas que passaram por experiências traumáticas muitas vezes não conseguem falar de maneira abstrata sobre isso. Através da terapia lúdica, no entanto, conseguem usar bonecos ou animais para recriar os eventos. Com isso, é comum crianças expressarem informações que, conscientemente, nem sabem que possuem.

Forma física

Programas de educação física reconhecem jogos como um elemento essencial para a saúde infantil. Eles servem para envolver a criança em atividades para atingir uma boa forma. Infelizmente, muitas necessitam disso. Nos Estados Unidos, por exemplo, "mais de 60% das crianças com sobrepeso têm entre cinco e dez anos e apresentam um fator de risco de desenvolver doenças cardiovasculares, como níveis elevados de insulina, colesterol ou pressão alta, e 25% delas têm dois ou mais fatores de risco", informa Sheila Milnes do Penn State Better Kid Care Program.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media