A importância de cada fase da Lua

Escrito por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A importância de cada fase da Lua
O ciclo regular da Lua é composto por quatro fases distintas (Comstock Images/Stockbyte/Getty Images)

A Lua nada é o satélite natural do nosso planeta. Com 27% do diâmetro da Terra, ela está sempre em rotação sincronizada com o globo terrestre. Ela leva aproximadamente 28 dias para girar em torno do próprio eixo. É o mesmo tempo que leva para girar em torno da Terra. Isso explica porque sempre vemos apenas uma face dela. Ao longo desse ciclo, a Lua assume quatro fases que variam gradualmente: nova, crescente, cheia e minguante. Cada fase ocorre de acordo com a face que está iluminada pelo Sol. Saiba porque cada fase é importante para a vida na Terra.

Outras pessoas estão lendo

Lua nova

O primeiro estágio do ciclo lunar é a fase nova, quando a face visível não recebe iluminação solar. O que vemos da Terra é uma Lua praticamente escura, apenas com o contorno levemente iluminado. Essa etapa tem influência sobre as plantas, já que a seiva dos vegetais passa a se manifestar no caule em grande quantidade. Diversas crenças atribuem à Lua nova um sentido de início e recomeço. Os calendários judaico, hindu e budista têm início bem nessa fase lunar.

Lua crescente

A etapa seguinte marca o chamado "crescimento" da Lua, fase na qual apenas um quarto dela está iluminado. Algumas crenças atribuem à fase crescente o momento de fortalecimento nas relações humanas. Nas plantações da Terra, a Lua crescente apresenta condições favoráveis para brotação rápida. Devido a fatores como a luz do Sol refletida e a força de gravidade que a Lua exerce sobre a Terra, esse período faz com que algumas plantas produzam mais frutos. É um bom período para a plantação do tomate, milho, arroz, berinjela e feijão. Nesses casos, os ramos tendem a ficar mais próximos uns dos outros, o que estimula a produção.

Lua cheia

Na Lua cheia, a face visível encontra-se iluminada totalmente pelo Sol. A Lua tende a ficar prateada e bastante iluminada. É uma fase de grande inspiração religiosa para as culturas que acreditam na energia lunar. Na agricultura, é um bom momento para colher frutos, que tendem a estar mais suculentos. O satélite também influencia as marés. Isso porque a atração gravitacional entre o Sol e a Lua elevam o nível do mar na Terra. Nesses dias, o Sol e a Lua estão em lados opostos, o que estimula as marés altas, também chamadas de marés vivas.

Lua minguante

O último estágio da Lua caracteriza-se pela fase minguante, quando o céu volta a escurecer. Espiritualmente, é época de se livrar de tudo aquilo que faz mal. Na agricultura, é o momento ideal para plantar raízes, como cenoura, beterraba e bulbos de cebola. No que diz respeito à formação das marés, a fase minguante é responsável pelo fenômeno das marés mortas. Isso ocorre porque a posição do Sol se opõe à influência que a Lua exerce sobre a Terra.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível