Como incubar ovos de papagaio

Escrito por peggy deland | Traduzido por marcelo couto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como incubar ovos de papagaio
Tenha cuidado ao remover os ovos do ninho (nest image by Vitaliy Pakhnyushchyy from Fotolia.com)

Ovos de papagaio podem ser artificialmente incubados, com altas taxas de sucesso, ao se utilizar o equipamento e procedimento adequados. Os principais motivos para se optar por esse tipo de incubação envolvem falta de cuidados dos pássaros pais - que comem ou quebram os próprios ovos, abandonam ou enterram no ninho, e pássaros que machucam e até mesmo matam os recém -nascidos. Todos esses problemas podem ser resolvidos transportando os ovos para à incubação artificial.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Incubadora desenvolvida para papagaios ou ovos de pássaros exóticos
  • Gaze
  • Termômetro e higrômetro de laboratórios
  • Chocadeira

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Para colocar os ovos em incubação, retire-os do ninho dos pais. Quando isso será feito depende dos pais em questão. As taxas de nascimento são mais elevadas quando eles são incubados naturalmente nas primeiras duas semanas, mas se os pais estiverem comendo ou destruindo-os, é aconselhável retirá-los o mais rápido possível após serem postos. O mesmo vale se os pais são fracos ou abandonam o ninho, pois a regra do 14º dia só se aplica aos ovos que estão sendo cuidados.

  2. 2

    Coloque os ovos na incubadora com a célula de ar (extremidade maior) levemente elevada. Para manter esse nível de elevação e impedir que a vibração danifique os ovos, coloque um gaze debaixo da ponta mais larga dos ovos.

  3. 3

    Incube os ovos na incubadora projetada para ovos de papagaios ou pássaros exóticos. Ela deve ter controle preciso da temperatura de um décimo de grau e, idealmente, um sistema de controle de umidade. Mantenha a temperatura em 37,4 graus e a umidade de 40 a 50%. Para aumentar a chance de sucesso, incube os ovos maiores no menor valor dessa escala e os menores no maior.

  4. 4

    Ajuste a incubadora para girar os ovos automaticamente a cada uma ou duas horas. A maioria das incubadoras não giram completamente, então você deve girá-los manualmente 180 graus uma vez por dia.

  5. 5

    Observe os ovos contra a luz diariamente e procure por anormalidades, como rachaduras ou embriões mortos dentro da casca. Ovos rachados devem ser consertados e os mortos descartados no mesmo momento. Filhotes mal posicionados podem precisar de ajuda durante o nascimento.

  6. 6

    Mude os ovos para a chocadeira quando houver uma mudança na célula de ar interna, o que indica que a eclosão está prestes a ocorrer. Essa mudança pode ser facilmente visualizada ao observar os ovos contra a luz, uma vez que a célula de ar agora estará para baixo e na lateral do ovo, e será elíptica, ao invés de redonda.

  7. 7

    Permita que os ovos eclodam de dois a três dias assim que forem transferidos para a chocadeira. Durante esse processo, mantenha a temperatura em 37,4 graus e a umidade a mais alta possível.

Dicas & Advertências

  • Para evitar o choque dos ovos durante o transporte do ninho para a incubadora, carregue-os em uma vasilha cheia com areia limpa ou semente para pássaros.
  • Para ter a maior taxa de sucesso possível, pense em fazer a gestão de peso dos ovos. É uma matéria complexa, mas o livro "Parrot Incubation Procedures", de Rick Jordan, é um excelente guia para medir e avaliar o peso dos ovos.
  • Nunca tente remover os ovos do ninho enquanto a fêmea estiver dentro, pois ela pode machucar os ovos, ou até mesmo sua mão.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível