×
Loading ...

Como usar o índice de Bishop para determinar o sucesso da indução de parto

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Como usar o índice de Bishop para determinar o sucesso da indução de parto. O índice de Bishop é um indicador que alguns médicos e parteiras usam para determinar quão favorável seu corpo está para uma indução de parto bem-sucedida. Esse índice marca um número em cinco áreas diferentes, como a posição e consistência cervicais, apagamento, dilatação e posição do bebê. Quando o índice de uma pessoa é dado, um escore omposto é calculado e, em seguida, uma decisão embasada pode ser tomada. Um índice mais alto é mais favorável a uma indução bem-sucedida. Veja como se entende o índice de Bishop.

Instruções

Use o índice de Bishop para determinar o sucesso da indução (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)
  1. Se o médico começar a falar da indução como uma possibilidade, você precisará perguntar sobre o índice de Bishop. Determinar esse índice pode impedir ou garantir que você passe pela indução de forma bem-sucedida.

    Loading...
  2. Se você sentir que seu médico não está aberto ao método do índice de Bishop, pode seguir os passos a seguir para determinar seu próprio índice e tomar uma decisão embasada. É uma boa ideia levar um bloco de notas e uma caneta para anotar os números que ele dará para você.

  3. Lembre-se de que você não pedirá quaisquer números especiais. Quando seu médico faz o exame vaginal, ele automaticamente verifica as coisas que são usadas para calcular o índice de Bishop. Ele sentirá a posição e consistência cervicais, apagamento, dilatação e a posição do bebê.

  4. A primeira coisa que o médico confere geralmente é a posição cervical. Se ainda for posterior, o que significa que a cérvix está inclinada para trás, ele dará um 0. Se a cérvix estiver entre posterior e anterior, ele atribuirá um 1. Se estiver anterior, significando que está inclinada para a frente, ele atribuirá um 2. Quanto mais anterior estiver a cérvix, mais favorável à indução.

  5. A segunda coisa que o médico sentirá será a consistência cervical. Se a cérvix estiver firme, como a ponta de um nariz, o escore é 0. Se estiver entre firme e mole, o escore é 1. Se estiver mole, como a ponta da língua, o escore é 2. Quanto mais mole a cérvix, mais favorável à indução.

  6. A terceira coisa que o médico verificará será o apagamento. Apagamento é a diminuição de espessura do colo do útero e é medido em porcentagens de 0 a 100, sendo 100 o apagamento total. Se o apagamento do colo for de 0 a 30, o índice é 0. Se for de 40 a 50%, é 1. Se for de 60 a 70, é igual a 2. Se o apagamento for de 80% ou mais, o escore é igual a 3. Novamente, quanto maior o apagamento do colo, mais favorável à indução.

  7. A quarta coisa que o médico verificará será a dilatação. A dilatação é medida em centímetros, de 1 a 10, sendo 10 cm a dilatação completa. Se o colo do útero estiver fechado, o escore é 0. Se estiver com 1 a 2 cm, o escore é 1. Se estiver com 3 a 4 cm, o escore é 2. Se estiver dilatado 5 cm ou mais, o escore é 3. É importante observar que se sua dilatação for de 5 cm ou mais, a indução não será necessária, a menos que indicada pelo médico.

  8. A quinta coisa que será avaliada será a posiçã do bebê. A estação é medida pelo topo do bebê em relação à espinha isquiática na pélvis da mãe. Se a cabeça do bebê estiver acima da espinha isquiática, receberá números negativos. Se a cabeça estiver no mesmo nível da espinha isquiática, a estação é considerada 0. Se a cabeça tiver ultrapassado a espinha isquiática, chegando ao canal do parto, recebe números positivos. Se, durante a avaliação, a cabeça receber -3, o escore será 0. Se ela estiver em -2, o escore será 1. Se estiver em -1 a 0, o escore será 2. Se estiver em +1 a +2, o escore será 3. Quanto mais baixa estiver a cabeça, indicado por números positivos, mais favorável à indução.

  9. Considere os seguintes modificadores depois que todos os outros cinco critérios tiverem sido atendidos. Você somará um ponto se tiver pré-eclâmpsia ou para cada parto vaginal que já houver tido. Subtrairá um ponto para cada gravidez atrasada, se for sua primeira gravidez ou tiver rompimento prematuro da bolsa.

  10. Depois de ter somado todos esses pontos, você pode determinar se seu corpo está favorável ou não a uma indução. Um escore acima de 8 significa que seu corpo muito provavelmente está favorável a uma indução. Isso não garante que uma indução funcionará, mas as condições são favoráveis. Se seu escore for menor que 8, você deve considerar os riscos e benefícios de uma indução com mais atenção. Se seu índice de Bishop for menor que 3, não realize a indução, a menos que seja indicado pelo médico.

Loading...

Dicas

  • Sempre discuta opções alternativas com seu médico. Informe-se sobre os riscos e benefícios de uma indução antes de tomar uma decisão. Fale com seu médico sobre as várias formas de indução e qual método é o mais seguro.

Aviso

  • Não opte pela indução a menos que seja indicado pelo médico. As induções nem sempre são bem-sucedidas. Elas carregam vários riscos para mãe e bebê.
Loading ...
Loading ...