A influência dos motivos egípcios

Escrito por joan whetzel | Traduzido por carolina ruiz
A influência dos motivos egípcios
Os desenhos egípcios inspiraram a moda e as joias (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Os desenhos egípcios começaram a aparecer na arquitetura e nos artefatos gregos e romanos, continuando até as civilizações modernas em uma forma ou outra. No entanto, a "egitomania" ganhou vida própria depois da descoberta da tumba de Tutankhamen, em 1922. Ela trouxe uma fúria aos artefatos egípcios que influenciou tudo, desde filmes a trabalhos de arte, passando pela moda, arquitetura e design de interiores, e até mesmo cemitérios ao longo dos século 20 e 21.

Arquitetura

O renascimento da arquitetura egípcia começou após as invasões napoleônicas de 1800. Ele faz uso de imagens e motivos egípcios, como os arcos decorativos, pontes, casas de banho e balanços egípcios de jardim encontrados na Chateau de Montbéliard na França. Na Strand, em Londres, o interior do edifício do jornal "The Courier" contém caveto (côncavo, quarto de círculo de moldagem) e cornijas, bem como pilares com capitéis egípcios. As colunas egípcias são geralmente triangulares, mas podem ser encontradas na forma circular, retangular ou octogonal. Elas são cobertas com capitéis inspirados em vegetação, geralmente folhas de palmeiras, papiros de forma triangular ou flores de lótus. Algumas são construídas e pintadas para representar palmeiras inteiras. Chrysler Building, em Nova York, é de inspiração egípcia, ostentando uma torre com curvas ascendentes de inspiração solar, um interior de mármore cor âmbar e portas de elevadores decoradas com flores de papiro.

Filmes

Cecil B. DeMille estava tão tomado pela "egitomania" que foi inspirado a produzir dois filmes épicos – "Os Dez Mandamentos" e "Cleópatra" – incluindo sets elaborados com base no Egito e temas egípcios. Esses filmes alimentaram ainda mais o interesse em todas as coisas egípcias e até inspiraram alguns cinemas com estilo egípcio.

Monumentos e cemitérios

Os obeliscos egípcios inspiraram muitos monumentos, incluindo o Monumento de Washington e o Obelisco de Bernini, em Roma. O obelisco também inspirou o uso do monumento como objetos memoriais funerários. Um cemitério em New Haven, Connecticut, possui um portão de estilo egípcio, lembrando uma entrada retangular egípcia. Ele também cria uma conexão mórbida entre o cemitério e os rituais funerários egípcios.

Design de Interiores e Art Deco

As formas geométricas da Art Deco são desdobramentos de motivos egípcios. Elas incluem trapézios, ziguezagues e explosões de estrelas, bem como contrastes de cor acentuada (por exemplo, preto e verde-espuma do mar). Outros motivos de design de interiores incluem plantas, escamas representando troncos de palmeiras, plumas e hieróglifos. Os tetos planos são divididos por vigas, cobertos de tecido ou pintados para parecer um céu estrelado.

Obras de Arte

A arte egípcia não tem sombra, parece plana e ignora a perspectiva. Ela também faz uso do ouro folheando com cores brilhantes e contrastantes, como o azul lápis-lazúli. Discos solares, obeliscos, pirâmides, escaravelhos, plantas, animais e ankhs (cruzes com um círculo em cima, que representam a chave da vida) são temas comuns em obras de arte de inspiração egípcia e "artefatos".

Moda

O uso moderno de rímel e delineador representa o delineador preto kohl egípcio usado para destacar os olhos. O corte de cabelo "chanel" foi inspirado em penteados vistos em hieróglifos. As joias feitas com ouro, madrepérola ou esmeraldas, com motivos de animais e correntes em camadas ou pérolas, tornaram-se a versão moderna das joias de estilo egípcio. As roupas inspiradas por motivos egípcios incluem vestidos longos feitos de tecidos leves, lenços com franja ao redor dos ombros ou cintura e adornos de vestuário como lantejoulas, penas e bordados.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível