A influência da música na década de 1950 e início dos anos 1960

Escrito por dawn sutton | Traduzido por gabriela drumond
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A influência da música na década de 1950 e início dos anos 1960
A música tinha uma enorme influência na sociedade nos anos 1950 e início dos 1960 (Close up of old Vinyl Records - focus on the record image by Andrew Brown from Fotolia.com)

Um dos cantores mais influentes da década de 1950 foi Elvis Presley, cujo corte de cabelo "rabo-de-pato", calças pretas e camisas de gola aberta criaram uma nova tendência na moda. Adolescentes ouviam a música rock 'n' roll em vitrolas 45 rpm e rádios de transistores e começaram a afirmar sua independência perante os pais. A década de 1960 viu uma agitação social e uma grande ênfase nos direitos civis e no fim da violência. A música dessa década influenciou enormemente os adolescentes, que desenvolveram sua própria sub-cultura hippie, comumente conhecida como "sexo, drogas e rock 'n' roll".

Outras pessoas estão lendo

A influência de Elvis

A música de Elvis Presley, seus movimentos de dança, roupas e sua atitude personificam a cultura rock 'n' roll dos anos 1950. As músicas que ele escolheu foram fortemente influenciadas pelo gospel, blues Afro-Americano e até mesmo pelo sul do país. Outros artistas como Chuck Berry, Little Richard e Fats Domino foram aceitos após Presley ter se tornado tão popular com os jovens daquela década. Buddy Holly, Roy Orbison, Jerry Lee Lewis e muitos outros seguiram a fama de Elvis Presley. Presley e esses cantores influenciaram tendências musicais, estilos de dança e moda e foram considerados como os lançadores de uma forma de libertação sexual e da suposta rebeldia adolescente.

A música e sociedade dos anos 1960

Durante os anos 1960, os cantores e intérpretes muitas vezes pareciam escolher canções para refletir as manchetes das notícias. Bob Dylan, Joan Baez, The Airplane Jefferson, e os Beatles eram apenas alguns dos artistas que representavam a juventude da contracultura daquela década. Hippies espalhavam mensagens de amor, de não guerra, e a música era uma parte integrante do seu estilo de vida. Música folk e enormes concertos de rock eram populares, apresentando canções politicamente carregadas — tais como "Blowin' in the Wind" e "We Shall Overcome" — com mensagens expondo problemas sociais norte-americanos. Depois do assassinato do presidente John F. Kennedy, parecia haver um uso generalizado de drogas e elas eram muitas vezes mencionadas por bandas como The Grateful Dead, com canções como "Rabbit White", e os Beatles, com "Lucy in the Sky with Diamonds". San Francisco tornou-se um polo da música rock e do movimento hippie, especialmente a área Haight-Ashbury. Eles eram frequentemente conhecidos como "crianças das flores." A música Motown soul reforçava a agitação pelos direitos civis e a luta pela igualdade. Cantoras do sexo feminino da década de 1960, tais como Janis Joplin e Grace Slick, refletiam o alvorecer do movimento feminista. Aretha Franklin cantou "Respect". Os artistas muitas vezes participavam em manifestações ou protestos. Por exemplo, a canção "Street Fighting Man" foi, aparentemente, inspirada por protestos na Inglaterra dos quais o cantor dos Rolling Stones, Mick Jagger, tinha participado.

A influência musical dos Beatles

A banda The Beatles, quatro rapazes de Liverpool, Inglaterra, — com John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr — teve uma enorme influência sobre a cultura, penteados, moda e atitudes sociais da década de 1960. O grupo impactou a sociedade através de suas declarações, aparência física e atitude social. A consciência social da banda foi destaque em músicas que contribuíram para o aumento global da consciência social durante a década. A Beatlemania influenciou tendências da música e da cultura popular por muitos anos.

A influência do Rock 'n' Roll na Moda

Elvis Presley introduziu sapatos de camurça azul, os Beatles estouraram na cena com penteados únicos, e Nehru Jackets foram um furor, devido à influência de estrelas do rock dos anos 50 e 60. Outras tendências de moda criadas por artistas ou bandas de música dessas décadas foram o look "uniforme", onde os todos os membros da banda usavam o mesmo terno, o look pesado de couro, iniciado pelos Rolling Stones, a roupa casual refletindo a música surfista dos Beach Boys e modas hippie que incluíam camisas tingidas, franjas e vestidos longos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível