on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

Como interpretar um gráfico de dispersão

Atualizado em 17 abril, 2017

Um gráfico de dispersão é uma importante ferramenta de diagnóstico no arsenal de um profissional na área de estatística, obtido ao construir o gráfico de duas variáveis e formular uma hipótese funcional sobre sua relação. Por essa razão, são geralmente desenhados antes que uma análise de regressão seja realizada. O estatístico, em seguida, testa a hipótese utilizando uma análise de regressão e determina o sinal e a magnitude exata da relação. Além disso, um gráfico de regressão ajuda a identificar dados discrepantes — valores que estão anormalmente distantes da maioria dos dados da amostra. Eliminar dados discrepantes ajuda a melhorar o modelo de regressão.

Instruções

Um gráfico de dispersão mostra a correlação entre duas variáveis (NA/AbleStock.com/Getty Images)
  1. Procure por uma relação negativa entre as duas variáveis no gráfico de dispersão. Se os valores baixos da primeira variável correspondem a altos valores da segunda variável, existe uma correlação negativa. Nesse caso, uma linha desenhada através dos dados possuirá uma inclinação negativa.

    Loading...
  2. Examine o gráfico em busca de uma relação positiva entre as variáveis. Se os valores baixos da primeira variável correspondem a valores baixos da segunda variável, e os valores altos da primeira similarmente correspondem a altos valores da segunda, as variáveis possuem uma correlação positiva. Nesse caso, uma linha desenhada através dos dados possuirá uma inclinação positiva.

  3. Inspecione o gráfico de dispersão para determinar se não existe relação entre as variáveis. Se os dados no gráfico estão distribuídos aleatoriamente, sem relação aparente entre as variáveis, então não possuem correlação, ou uma correlação pequena e estatisticamente insignificante. Nesse caso, uma linha desenhada através dos dados é horizontal, com inclinação igual a zero.

  4. Crie uma linha de regressão através dos dados, examine sua forma e avalie a natureza da relação entre as duas variáveis. Uma linha reta é interpretada com uma relação linear, uma forma curva sugere uma relação quadrática, e uma linha que começa relativamente plana antes de subir ou descer repentinamente é interpretada como uma relação exponencial.

  5. Procure por dados discrepantes no gráfico. Valores que estejam anormalmente longe dos conjunto de dados. Dados discrepantes destorcem a relação entre as variáveis. Elimine-os, mas apenas se sua presença não afeta a análise da relação entre as duas variáveis.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...