×
Loading ...

Como interpretar uma WISC

A Escala Wechsler de Inteligência para Crianças (WISC) é uma ferramenta de avaliação utilizada nas escolas para identificar a superdotação cognitiva, bem como dificuldades de aprendizagem em crianças de seis a 16 anos. A WISC foi desenvolvida pelo psicólogo americano Dr. David Wechsler, em 1949, e a versão WISC-IV foi lançada em 2003. A WISC é constituída por vários subtestes de QI de uma criança. Se o seu filho for chamado para fazer o teste, saber interpretar os resultados pode ajudá-lo a ser mais estratégico no apoio às suas necessidades e potencialidades.

Instruções

A maioria das pessoas tem um QI entre 85 e 115 (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)
  1. Procure a pontuação geral, chamada de Escala Total de Pontuação de QI, que é a soma das quatro pontuações do índice e reflete as habilidades verbais e de desempenho do testado. Com base nas tabelas de conversão de teste Wechsler, alguém com uma pontuação de escala completa entre 90 e 110 é considerado médio. Com uma pontuação de 130 ou mais, a pessoa é considerada talentosa. E com pontuação de 70 ou menos, ela é considerada incapaz de aprender.

    Loading...
  2. Encontre a pontuação composta para cada um dos quatro índices. Eles são: Índice de Compreensão Verbal, Índice de Percepção de Raciocínio, Índice de Memória de Trabalho e Índice de Velocidade de Processamento. Uma descrição de cada índice pode ser encontrada em vários sites, incluindo o "Concord Sped PAC" (consulte Recursos). A pontuação média em inteligência para cada índice é de 100, com um desvio padrão de 15. Isso significa que qualquer contagem dentro de 15 pontos de 100 é considerada normal.

  3. Verifique o percentil, que mostra quanto seu filho pontuou quando comparado com outras crianças da mesma idade ou série. Por exemplo, se a marca percentil do seu filho para a Compreensão Verbal é de 79, isso significa que ele pontuou mais do que cerca de 79 de 100 crianças de sua idade em tarefas que exigem compreensão da informação verbal, pensando e expressando pensamentos com as palavras.

  4. Encontre o intervalo de confiança junto às pontuações. Como os resultados dos testes não são perfeitos, os intervalos de confiança são usados ​​para fornecer uma estimativa razoável da "pontuação real" de um testado. Na WISC, o intervalo de confiança é de 95 por cento. Isso significa que você pode ter 95 por cento de certeza de que a verdadeira pontuação de QI de seu filho está dentro de um determinado intervalo. Por exemplo, se seu filho receber uma pontuação de 127, a sua verdadeira pontuação está dentro da faixa de 122-132.

Loading...

Dicas

  • Para se ter uma melhor avaliação do nível de inteligência do seu filho, peça os dados completos dos testes junto com os números reais. Caso contrário, você pode ter apenas uma descrição qualitativa como "média", "média baixa" ou "média limítrofe."

Aviso

  • Qualquer criança pode marcar um pouco mais ou menos, se testada novamente em um dia diferente ou até depois de alguns anos.
  • Tenha em mente que as pontuações de QI não podem avaliar adequadamente todas as habilidades que uma criança pode precisar ter para uma vida significativa. Muitos fatores fora do QI de uma pessoa contribuem para o sucesso e a felicidade.

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...