Como interromper a dormência causada por enxaqueca

Escrito por cheryl jones | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como interromper a dormência causada por enxaqueca
As cefaleias da enxaqueca são o resultado de um complexo processo causado pela contração e subsequente dilatação dos vasos sanguíneos cerebrais (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Dormência na mão, no braço, no rosto ou na língua é um sinal comum de um iminente ataque de enxaqueca. Após experimentar um sinal inicial de aviso, o processo de enxaqueca está em curso, portanto é importante saber como evitar os deflagradores, ou gatilhos, da dor. Evitar esses deflagradores é a única maneira de impedir o início do processo de enxaqueca.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Caneta e papel para um diário de cefaleias

Lista completaMinimizar

Instruções

    Prevenção da enxaqueca

  1. 1

    As cefaleias da enxaqueca são o resultado de um complexo processo causado pela contração e subsequente dilatação dos vasos sanguíneos cerebrais. Enxaqueca é uma intensa cefaleia com duração de quatro horas a quatro dias. Suas características distintivas são: dor penetrante ou latejante em um dos lados da cabeça, náusea, vômito ou sensibilidade a luz ou som. O processo de enxaqueca começa quando um deflagrador provoca a contração de certas artérias no cérebro, reduzindo o fluxo sanguíneo e o suprimento de oxigênio. Essa contração causa a característica dormência e outros sinais iniciais da enxaqueca, chamados de aura. A aura pode consistir em transtornos visuais, como flashes luminosos ou "estrelas", halos ao redor de objetos, visão turva ou até a perda visual temporária. Além da dormência, indivíduos que sofrem de enxaqueca também podem ter formigamento nas mãos ou na língua e paladar metálico. Outros sinais de enxaqueca iminente são: congestão nasal, bocejo excessivo e tontura. Mas a maioria dos indivíduos que sofre de enxaqueca não experimenta esses sinais.

  2. 2

    A maneira mais eficaz de prevenir a dormência, a aura e a cefaleia da enxaqueca é reconhecer e evitar os deflagradores. Muitos fatores podem desencadear o processo de enxaqueca e são exclusivos de cada pessoa, podendo até variar de uma enxaqueca a outra. A maioria inclui: • Alimentos, como queijo, carnes processadas, produtos de soja, vinho (especialmente os que contêm sulfatos) e cafeína, embora seja eficaz em aliviar enxaquecas em algumas pessoas • Fatores ambientais, como alterações climáticas ou pólen • Esforço físico, inclusive relações sexuais, ainda que o exercício regular seja recomendado para a prevenção de enxaqueca • Alterações hormonal • Estresse • Falta de sono • Luzes brilhantes ou ofuscamento • Fome Alterações na dieta, adesão a programas de sono e alimentação regulares e o estabelecimento de uma rotina de exercícios ajudarão as pessoas que sofrem de enxaqueca a evitar as crises. É impossível evitar alguns deflagradores, como o clima ou as alterações hormonais. Fazer um diário das cefaleias ajuda os indivíduos que sofrem de enxaqueca a identificar os próprios deflagradores. Para ser mais útil, o diário das cefaleias deverá incluir o máximo possível de informações sobre as circunstâncias de cada crise, como os alimentos consumidos logo antes de sua ocorrência, a atividade, o nível de estresse e o clima.

  3. 3

    Pessoas com mais de três crises de enxaqueca ao mês podem considerar uma medicação preventiva diária. Baixas doses do antidepressivo amitriptilina reduzem com eficácia a incidência de enxaqueca. Pessoas com alergias beneficiam-se com medicação antialérgica ou spray nasal diários. Outras medicações preventivas são os betabloqueadores, anticonvulsivantes, antagonistas da serotonina ou inibidores da monoaminoxidase (MAO).

  4. 4

    Depois de iniciada a enxaqueca, a maioria das pessoas buscará alívio deitando-se em um quarto escuro e silencioso. As medicações prescritas são eficazes no alívio da cefaleia. Contudo, são tomados no início da enxaqueca e portanto não serão eficientes em prevenir dormência e aura.

Dicas & Advertências

  • Mantenha um diário detalhado das cefaleias para rastrear os deflagradores da enxaqueca.
  • Durma bastante.
  • Faça as refeições regulares.
  • Evite ingerir vinho tinto, queijo, carne processada, chocolate ou produtos de soja que são deflagradores comuns de enxaqueca.
  • Se tiver cefaleias constantes, consulte um médico, para descartar problemas neurológicos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível