Introdução ao relógio Rolex Cosmograph Daytona

Escrito por contributing writer | Traduzido por elcio borges gomes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Introdução ao relógio Rolex Cosmograph Daytona
O relógio Rolex Cosmograph Daytona é ideal para os aficionados por automobilismo

O relógio Rolex Cosmograph Daytona é ideal para um diretor de prova e outros interessados em automobilismo. O modelo em caixa de aço inoxidável custa entre R$ 10.000,00 e R$ 16.000,00, os modelos em caixa de ouro custam o triplo. É um relógio automático à corda e à prova d'água, até 100 m, cuja função de cronógrafo é ideal para medir o tempo decorrido ou velocidade. Seu estilo atemporal vai durar por gerações.

Outras pessoas estão lendo

A estrutura do Daytona

A maioria das caixas de relógios em aço inoxidável é feita de aço cirúrgico 316L, que é muito bom. A Rolex vai um passo além, usando o aço 904L, que é super-resistente à corrosão e tem melhores resultados no polimento. É por isso que um Rolex brilha como nenhum outro. Sua pulseira é de fácil ajuste no tamanho, usando parafusos em vez de pinos. Na verdade, é feita de 100 partes móveis que se ajustam ao pulso, tendo bordas lisas que nunca prendem ou beliscam a pele. A pulseira também tem o sistema “Easylink”, que permite ajustá-la ainda mais quando seu pulso se expande devido a exercícios ou em altitudes elevadas. Os relógios Rolex foram originalmente destinados para trabalhadores e sua estrutura é resistente ao choque, antimagnética e a prova d’água. Ele é impermeável graças ao seu sistema de coroa rosqueada (“Triplock”). Você deve primeiro rodar a coroa relógio no sentido anti-horário até que se solte do tubo rosqueado. Depois puxe a coroa para fora para acertar a hora. Quando terminar, aplique uma leve pressão e gire-a no sentido horário até rosqueá-la no tubo da caixa novamente, protegendo o relógio da água e poeira. O fundo do relógio Daytona é hermeticamente fechado e apenas um técnico do serviço autorizado Rolex deve abri-lo.

A máquina do Daytona

A máquina do Rolex Daytona mudou com o passar do tempo, atualmente usa uma máquina calibre 4130, composta de 290 peças, que é muito menos do que outras máquinas de cronógrafos suíços. Seu tamanho menor é eficiente e preciso permitindo sua colocação em uma caixa relativamente pequena de 40 mm. Veja a diferença de tamanho entre o Daytona e o Tag Heuer Aquaracer. A máquina do relógio também contém uma mola espiral "Parachrom" no seu balanço. Esse dispositivo é antimagnético e protegido contra choques. No mostrador da frente estão as palavras "cronômetro superlativo oficialmente testado". Isso significa que o relógio passou por duas semanas de testes em condições extremas para atender aos padrões suíços. Esse processo é padrão para todos os Rolex com função de cronômetro.

Uso do cronógrafo

A função de cronógrafo pode ser a mais importante e útil num cronômetro. Para iniciar a contagem de tempo, pressione o botão acima da coroa. Para parar, pressione o botão de cima novamente, e para redefinir (zerar) pressione o botão abaixo da coroa. O cronógrafo também pode ser usado para uma segunda contagem, se sincronizá-lo para começar a segunda contagem nas seis horas do mostrador. Ele também pode ser usado para calcular a velocidade, que é um pouco mais complexo. Utiliza as unidades por escala de horas, que estão gravadas na moldura do relógio. Por exemplo, suponha que você gaste 50 segundos para percorrer 1 km. Olhando para o disco, pode-se determinar que a sua velocidade é de 72 km/h. A velocidade média também pode ser determinada com outros cálculos.

Introdução ao relógio Rolex Cosmograph Daytona
A função de cronógrafo pode ser a mais importante e útil em um cronômetro

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível