Mais
×

Quem inventou o papel-moeda?

Atualizado em 17 abril, 2017

O dinheiro simplifica a troca de bens e serviços, e o papel-moeda permite a produção em massa barata e a regulação da moeda. O primeiro uso conhecido do papel-moeda ocorreu na China durante o século 7. Marco Polo escreveu sobre a produção e o uso obrigatório do papel-moeda após sua viagem pela Ásia. Na Europa, o papel-moeda passou a ser usado penas no século 17.

A criação do papel-moeda remonta ao século 7, na China (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Definição de dinheiro

Dinheiro é qualquer objeto usado como um meio de troca de bens e serviços, que pode ou não ter um valor próprio. O dinheiro moderno tem um valor inerente limitado, mas é usado como um substituto para o valor.

Papel-moeda na Ásia

Antes do século 7, os chineses usavam grãos, seda e moedas como meio de troca. Durante a dinastia Tang, a escassez de cobre levou ao uso de notas de papel em vez de moedas de bronze. O uso do papel-moeda foi mais bem-sucedido pois ele não tinha nenhum valor inerente e foi por isso que, no século 12, notas de papel foram impressas e regulamentadas pelo governo chinês.

Papel-moeda na Europa

Apesar de a China ter inventado o papel-moeda milhares de anos antes, o mundo ocidental não começou a usá-lo até 1661, quando o Stockholms Bank of Sweden emitiu notas de papel, que eram sustentadas por metais preciosos, assim como a maioria notas de papel até o século 20.

Importância do papel-moeda

O dinheiro permite a conversão de bens e serviços em um meio de troca, que pode ser usado para comprar outros bens e serviços. O papel-moeda é mais fácil e barato de fazer do que moedas de metal, além de ser mais leve.

Fato interessante sobre o papel-moeda

Em 1298, o explorador italiano Marco Polo escreveu sobre suas viagens na Ásia, incluindo um relato da produção oficial de papel-moeda. Depois de explicar como o dinheiro era fabricado, ele escreveu: ''Com esses pedaços de papel.. O Imperador Kaan faz a troca universal possível... para onde quer que o seu poder e território se estendam. E ninguém, por mais importante que essa pessoa possa se achar, se atreve a recusar essa moeda, sob pena de morte. Portanto, qualquer um as aceita prontamente, pois em qualquer lugar sob o domínio do Imperador Kaan, existem esses pedaços de papel, e é possível realizar qualquer venda e compra por meio deles como se eles fossem moedas de puro ouro. Apesar disso tudo, elas ainda são mais leves que qualquer outra moeda'' (As viagens de Marco Polo).

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article