Qual o juramento da enfermagem?

Escrito por quinn chin | Traduzido por israel jeffman
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Qual o juramento da enfermagem?
Enfermeiras juram seguir os padrões da sua profissão (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Assim como os médicos têm o Juramento Hipocrático, as enfermeira se comprometem a fazer o melhor possível por seus pacientes. Muitas vezes chamado de Juramento de Florence Nightendale, o juramento da enfermagem é frequentemente administrado nas cerimônias de graduação. Adaptado do Juramento Hipocrático, ele segue o mantra de "não causar o mal". Também prega lealdade ao ajudar os médicos e liberdade da influência de problemas pessoais. As palavras foram atualizadas com o passar dos anos, mas o sentimento continua o mesmo.

Outras pessoas estão lendo

O testemunho original

A instrutora de enfermagem Lystra Gretter, E.R. (enfermeira registrada), escreveu o testemunho original em 1893. Recitado durante a cerimônia de graduação no Hospital Harper, em Detroit, dizia: " Eu testemunho solenemente perante Deus e na presença desta assembleia: Passar a minha vida na pureza e praticar a minha profissão fielmente. Eu irei me abster de tudo que for deletério e malicioso e não administrarei conscientemente uma droga daninha. Eu farei tudo que estiver em meu poder para manter e elevar o padrão da minha profissão e manterei em sigilo todas as questões pessoais confiados à minha guarda e todos os assuntos familiares que chegarem ao meu conhecimento na prática de minha vocação. Com lealdade, eu me esforçarei para auxiliar o médico em seu trabalho e me dedicarei ao bem-estar daqueles submetidos aos meus cuidados."

Atualizações modernas

Hoje, o testemunho pode mudar dependendo da localização. Na maioria dos lugares, as referências a Deus e a pureza foram removidos. "Auxiliando ao médico" também é comumente substituído por "colaborando com a equipe de saúde." A maior parte das instituições modernas promove o trabalho em equipe de médicos aliados a profissionais da saúde. Todos os membros da equipe são importantes no fornecimento de um tratamento compreensivo. Finalmente, o juramento pode fazer mais referência à justiça social e ao bem da comunidade.

A importância do juramento

Fazer um juramento tem sido uma parte importante da comunidade médica desde eras antes de Cristo. Acredita-se comumente que o médico grego Hipócrates, algumas vezes chamado de "pai da medicina", teve o papel de escrevê-lo. Entretanto, como o juramento originou-se por volta de 5 A.C., a autoria se torna dúbia. O juramento representa o elo sagrado entre o profissional da saúde e o paciente. Como o testemunho, ele é um lembrete aos médicos e enfermeiras de suas responsabilidades para com os seus pacientes.

Lystra Gretter

Conhecida por seus esforços para desenvolvimento do campo da enfermagem, Lystra Gretter é saudada como sendo "Decana das Enfermeiras de Michigan". Nascida em 1858, Gretter foi filha de um cirurgião da Gerra Civil. Ela perseguiu sua própria carreira na medicina na Escola de Treinamento de Enfermeiras do Hospital Geral de Búfalo, EUA. Após graduar-se em 1888, ela tornou-se superintendente de enfermagem da escola do Hospital Harper. Ao longo dos seus primeiros cinco anos na função, Gretter reduziu o horário de trabalho dos estudantes de 15 para oito horas, criou um currículo formal e escreveu palestras instrutivas. Ela criou organizações de alunos que mais tarde se tornariam a Associação das Enfermeiras do Estado de Michigan, e foi lobista nos estados para exigir licença para as enfermeiras registradas. Ela também foi ativa no fornecimento de tratamento para imigrantes empobrecidos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível