Como lâmpadas UV-C funcionam?

Escrito por theon weber | Traduzido por luana ribeiro
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como lâmpadas UV-C funcionam?
Radiação UV-C é utilizada como desinfetante (uv light. image by Harvey Hudson from Fotolia.com)

Lâmpadas UV-C emitem luz ultravioleta de um tipo particular, que se verificou ter qualidades desinfetantes. Elas são, portanto, comumente utilizadas ​​na área médica, mas uma utilizada mais comum que um consumidor pode ter com elas é como lâmpadas comercializadas para limpeza de ambientes domésticos ou objetos como colchões.

Outras pessoas estão lendo

Luz ultravioleta

A luz ultravioleta é assim chamada porque ocupa a porção do espectro electromagnético que está acima da luz visível - isto é, o seu comprimento de onda é inferior a da luz violeta, que é a de menor comprimento de onda no espectro visível. Assim como o espectro visível, o ultravioleta abrange uma ampla gama de comprimentos de onda -- de 400 a 20 nanômetros. O UV-C fica aproximadamente no meio deste espectro, entre 280 a 100 nanometros, e é um tipo de luz ultravioleta emitida pelo sol.

Desinfetante

A luz solar pode não ser o melhor desinfetante, mas é certamente um dos melhores. Os raios UV-C são fatais para muitos micróbios causadores de doenças e alergias, incluindo para fontes microscópicas de pneumonia, gripe, cólera e tuberculose. Experiências revelaram que o comprimento de onda de 253,7 nanômetros destrói diretamente o DNA de tais organismos, tornando impossível a divisão celular e causando a morte rápida da célula.

Lâmpadas UV-C

Lâmpadas que geram radiação UV-C, muitas delas compatíveis com luminárias fluorescentes convencionais, bombardeiam seus alvos com raios UV suficientemente intensos para esterilizá-los de forma eficaz. Elas foram usadas ​​originalmente para remover bactérias e vírus de equipamentos médicos, mas agora lâmpadas UV-C voltadas para o consumidor final são vendidas para matar vários organismos que se desenvolvem dentro das casas, especialmente os ácaros que podem viver com facilidade dentro de colchões ou almofadas e podem causar alergias graves ou até mesmo ataques de asma. Em muitos países, as lâmpadas UV-C também são utilizadas para a esterilização da água.

Perigos

A eficácia da radiação UV-C como desinfetante é uma propriedade tanto da intensidade da radiação como o tempo de aplicação. A energia que uma lâmpada emite é medida em micro watts por segundo por centímetro quadrado, ou mW S/cm2, e alvos diferentes requerem diferentes níveis de energia. Vários tipos de mofos, por exemplo, requerem entre 6.000 e 60.000 mW S/cm2 para serem mortos.

Perigos

Como as lâmpadas UV-C são projetadas para atingir e degradarem as células vivas, você deve ter cuidado para não se expor a uma quantidade significativa de radiação que elas produzem. Além disso, as lâmpadas mais baratas muitas vezes podem não ser rígidas com o seu espectro, produzindo radiação UV-B e até mesmo radiação UV-A, que pode ser prejudicial ao meio ambiente e as pessoas. Tenha cuidado ao desinfetar salas ou itens com radiação UV-C e não se esqueça de investir em um produto de qualidade.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível