Larvas na couve-flor

Escrito por deborah harding | Traduzido por ana claudia bragé
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Larvas na couve-flor
Couve-flor é uma cultura resistente ao frio e cresce melhor em climas de temperatura mais baixa (Polka Dot Images/Polka Dot/Getty Images)

Couve-flor é uma planta de clima frio, na mesma categoria do repolho, brócolis e couve de Bruxelas. Algumas infestações que afetam o repolho também causam problemas na couve-flor. Essas pragas podem parecer vermes, mas na verdade elas são larvas ou lagartas produzidas por borboletas ou mariposas. Existem várias opções de tratamento para eliminá-las.

Outras pessoas estão lendo

Verme do repolho

Na vida adulta, um verme de repolho é uma mariposa branca com pontas pretas nas asas superiores e uma pequena mancha preta tanto na asa de cima quanto na de baixo. As larvas são de cor verde-vivo e aveludado, com linhas amarelas pálidas subindo pelas laterais e no comprimento. As mariposas adultas aparecem em maio e põem ovos durante todo o verão no lado de baixo de couve-flores ou repolhos, e eles eclodem em apenas sete dias. Três gerações ou mais desenvolvem-se durante um verão. Elas fazem buracos irregulares nas folhas e movem-se para dentro, em direção ao centro da planta. As pontas da couve-flor ficam em um tom de amarelo descolorido devido à matéria fecal das larvas.

Larva do repolho

As mariposas da larva do repolho são marrom-escuras com pontos em cor prateada nas asas de cima. Eles voam apenas durante a noite e põem ovos em grupos sobre as partes inferior e superior das folhas da couve-flor. As larvas são verdes, com 2,5 cm, e possuem listras brancas ao longo do corpo. Elas têm três pares de pernas finas na frente, três pares de pernas maiores na parte de trás e nenhuma no meio, fazendo com que caminhem com as costas arqueadas. As larvas não vivem no tempo frio como os vermes do repolho fazem, mas elas migram para áreas mais quentes e retornam na primavera. As larvas do repolho manifestam-se por pequenos buracos nas folhas que não seguem até o topo.

Mariposa costas de diamante

A mariposa costas de diamante é identificada por três formas de diamante na parte superior da asa quando ela está em repouso. As mariposas são marrons com corpos delgados e longas antenas, enquanto as larvas são verdes, medem de 0,8 cm a 2,5 cm e se movem rapidamente. Elas se enrolam e caem das folhas quando tocadas, mas costumam conectar-se à folha por um fio de seda que usam para subir. O estágio de larva é de 10 dias a um mês, de modo que elas danificam bastante ​​as culturas, fazendo furos nas folhas. As larvas mais velhas fazem buracos no topo das couve-flores.

Como lidar com a infestação

Verifique a parte inferior das folhas para ver se existem aglomerados de ovos ou vermes; caso haja, jogue-os em um balde com água e sabão. Use inseticidas em vermes enquanto eles são jovens. BT, ou Bacillus thuringiensis, é um inseticida biológico que não prejudica pássaros, abelhas e outros insetos benéficos. Remova as plantas com ovos no outono, para evitar que as pragas que toleram frio se escondam e se reproduzam. Todos os três vermes são controlados por vespas parasitas que põem ovos em larvas, os quais se alimentam do hospedeiro. Outros inseticidas que funcionam contra essas pragas são carbaryl e malathron, mas eles também matam insetos benéficos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível