Leis relacionadas à entrada de dinheiro nos Estados Unidos

Escrito por amy kadori | Traduzido por fernanda afonso
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Leis relacionadas à entrada de dinheiro nos Estados Unidos
10.000 dólares é a quantia máxima em dinheiro permitida para entrar nos Estados Unidos (Thinkstock/Comstock/Getty Images)

Aqueles que viajam para os Estados Unidos podem levar qualquer quantidade de dinheiro ou instrumentos monetários negociáveis ​​que desejarem. Entretanto, valores acima de 10.000 dólares devem ser declarados com antecedência através do formulário de declaração alfandegária (formulário 6059B). Em caso de descumprimento, há penalidades severas, incluindo grandes multas, e o dinheiro pode ser confiscado.

Caso esteja trazendo mais de 10.000 dólares, você também precisará preencher um formulário de notificação de moeda (formulário FinCen 105) quando passar pela Alfândega e Imigração. Grandes quantidades de dinheiro são relatadas para o Serviço de Receita Interna (IRS) a fim de reduzir a lavagem de dinheiro e prevenir a criminalidade.

Outras pessoas estão lendo

Tipos

Todas as formas de dinheiro trazidas para os Estados Unidos são legalmente tratadas da mesma forma, incluindo moeda americana ou estrangeira, traveler's checks, certificados de depósito, ouro, ordens de pagamento e outros títulos negociáveis ou valores mobiliários.

Entretanto, algumas são mais fáceis de controlar do que outras. Se você estiver levando dinheiro, o oficial da Alfândega e Proteção de Fronteiras (CBP) pode assumir que você está fazendo algo ilegal. Isso pode lhe causar problemas quando você passar pela imigração e alfândega. Outros probelmas podem surgir mais tarde, se você depositar esse dinheiro em uma conta bancária nos Estados Unidos. Grandes somas de dinheiro depositadas em uma conta bancária são relatadas ao IRS.

Importância

O valor de 10.000 dólares se aplica a cada pessoa viajando sozinha ou a pessoas viajando juntas que tenham preenchido uma declaração conjunta (Formulário CBP 6059-B). Se duas pessoas tiverem preenchido este tipo de declaração, elas não podem trazer, cada uma, 10.000 dólares. Esteja ciente de que pode haver consequências graves para aqueles que trazem quantias acima do limite permitido.

Considerações

Viajantes que estejam saindo ou entrando nos Estados Unidos portando mais de 10.000 dólares são obrigados a preencher um Relatório de Transporte Internacional de Moeda ou Instrumentos Monetários (formulário FinCEN 105). As informações contidas neste formulário são relatadas ao IRS, que irá decidir se esses fundos serão ou não considerados renda e se serão devidas taxas ou impostos. Barras de ouro não precisam ser declaradas neste formulário. Você pode obtê-lo da CBP on-line, com antecedência, ou pode pegá-lo quando passar pela Alfândega e Imigração.

Ao portar uma quantia maior, seja pessoalmente ou através de um banco, geralmente é necessário declarar a origem do dinheiro, como por exemplo a venda de uma residência no exterior. Se o dinheiro tiver uma fonte legítima, não haverá taxas ou impostos a pagar.

Cartões de crédito com limites altos não precisam ser declarados. O mesmo se aplica a instrumentos monetários com endossos restritivos ou aqueles pagáveis a uma pessoa determinada, mas não endossados.

Atenção

Trazer pouco dinheiro para os Estados Unidos também pode lhe causar problemas. Visitantes estrangeiros devem provar para os funcionários do CBP que possuem fundos suficientes para cobrir suas despesas durante a estadia no país. Pode haver circunstâncias atenuantes que fazem com que os visitantes tenham fundos insuficientes. Oficiais do CBP irão decidir, nesse caso, se o viajante poderá ser admitido nos Estados Unidos.

Equívocos

Os viajantes que atravessam os Estados Unidos em trânsito para outros destinos também terão que preencher o formulário FinCEN 105.

Nesse caso, CBP não recolherá taxas quando tais viajantes passarem pela Alfândega e Imigração. No entanto, valores acima de 10.000 dólares serão relatados ao IRS, que irá determinar se esses fundos estarão sujeitos a tributação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível