O que leva um carro à engasgar ao ligar

Escrito por don bowman | Traduzido por daniel tamayo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que leva um carro à engasgar ao ligar
Motor de carro (NA/Photos.com/Getty Images)

Outras pessoas estão lendo

Introdução

Há apenas poucas coisas que levam o carro a engasgar ou ter dificuldade em funcionar depois de alguns minutos ligado. Em carros velhos que ainda usam carburador, o afogador é a primeira possibilidade. Se o afogador não fecha adequadamente quando o motor está frio e tudo está contraído, o vácuo formado será menor e a compressão será mínima. O motor não irá captar gasolina suficiente até que a temperatura comece a subir.

Veículos com carburador

Um motor frio em um carro novo ou antigo deve ter uma mistura rica para ligar e começar a funcionar bem até aquecer. Outra coisa que pode causar o engasgue é um defeito no mecanismo de vácuo. Em um distribuidor normal, há dois avanços de mecanismos sincronizados. Na primeira tentativa de ligar o carro, a faísca é levemente atrasada para facilitar que o iniciador ligue o motor. Assim que o motor começa a funcionar, o avanço do vácuo no distribuidor reage ao vácuo produzido no motor e avança a faísca a fim de dar ao motor mais tempo para queimar o combustível. Se o avanço do vácuo não estiver funcionando, o carro não terá sincronia e, mesmo depois de aquecer, ficará um pouco melhor, mas ainda assim não responderá da maneira correta, como faria se o avanço estivesse funcionando.

Avanço mecânico

O segundo avanço do distribuidor é o mecânico, que é um conjunto de pesos abaixo do rotor com pequenas molas encaixadas. Enquanto o distribuidor gira, as molas neutralizam a força centrípeta, mas conforme as rotações do motor aumentam, os pesos — através da força centrípeta — neutralizam a tensão das molas e giram para fora, rotacionando o disco ao mesmo tempo e avançando a faísca. Por exemplo, se o motor tenta ligar a quatro graus antes do centro neutro, os pesos vão avançar a faísca.

Sincronia do motor

Uma vez que o motor iniciar, o vácuo produzido faz com que o avanço de vácuo aumente a sincronia em 18 graus abaixo do centro neutro (BTDC). Quando a velocidade do motor passa de 2.000 rpm, o avanço mecânico aumenta a sincronia para 32 graus BTDC, deixando mais tempo para o combustível queimar.

Veículos com injeção de combustível

Em modelos mais recentes de veículos com injeção, a estratégia é um pouco diferente. O veículo deve ser checado antes de ser iniciado para que o avanço não se perca conforme vai aquecendo. A primeira coisa a checar é a pressão do combustível para ver ser a bomba está funcionando. Coloque um testador no encanamento do combustível e veja a pressão. Se ela não estiver certa, então a bomba está falhando.

Possíveis causas

Se for necessário virar a chave duas ou três vezes para criar pressão no combustível, a válvula no tanque está funcionando mal, e o combustível está retornando ao tanque quando o motor deveria estar fechado. Toda tubulação do combustível deve estar com pressão antes de iniciar. Se isso estiver OK, cheque se o sensor de temperatura de resfriamento está funcionando. Se estiver parado em 80 ou 90 °C, o computador não verá o motor como "frio" e enriquecerá a mistura.

Verificando os sensores

Verifique os sensores de oxigênio e veja se eles estão aquecidos. Caso positivo, os aquecedores devem estar funcionando. Se os aquecedores não estiverem funcionando, a mistura estará errada até que o motor aqueça e vá para o ciclo fechado. Se o veículo tiver uma sincronia de válvula de eixo variável, certifique-se de que ela está funcionando e que as câmaras não estão avançando.

Verificando o eixo

Verifique se o sensor do eixo está funcionando direito. O eixo controla a injeção de combustível; se ele não estiver funcionando, fará o motor engasgar. Um injetor frouxo ou vazando também pode causar isso. Os injetores podem ser verificados de várias formas; a mais fácil é checar a temperatura da exaustão usando uma sonda infravermelha na porta de exaustão da tubulação.

Leitor de códigos

Outra coisa que irá causar engasgue do motor é o sensor de fluxo de ar. Verifique se ele está funcionando logo depois da iniciação do motor. Para checar esse e outros sensores do veículo, você precisará de um leitor de códigos. Esse leitor pode ser comprado em qualquer loja de autopeças. Cada tipo de leitor vem com instruções e uma folha de códigos que interpreta aquele lido no equipamento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível