Mais
×

Lições sobre a oração do Pai-Nosso para crianças

Atualizado em 17 abril, 2017

Ao ensinar o Pai Nosso para as crianças, você terá de modificar a linguagem complexa e às vezes confusa para ajudar os alunos a compreenderem o significado das palavras. Embora a simples memorização possa ser útil e desejável para alguns alunos, outros podem familiarizar-se mais com a oração quando o significado dela é comentado.

O Pai Nosso é uma lição importante para as crianças, mas é preciso traduzi-la para a linguagem delas (praying hands image by dwags from Fotolia.com)

Linha por linha

Para os alunos mais velhos que já conseguem memorizar a oração, faça um mini-livro com uma linha por página. Deixe que os alunos pintem ou decorem as páginas, e depois trabalhem em grupo para interpretar cada linha. Permita que os alunos façam anotações nos livros e os levem para casa, como um auxílio em suas orações diárias.

Mensagem geral

Para as crianças menores, trabalhe a mensagem geral do Pai Nosso em uma lição curta e simples. Recite a oração e depois comente como Jesus quis honrar e agradecer a Deus por seu cuidado e proteção. Pergunte às crianças por que motivos elas são gratas a Deus e como elas lhes prestam honra. Termine a aula com uma atividade, talvez uma imagem para colorir sobre o que foi discutido ou uma página de mãos orando para decorar, enquanto você continua falando sobre a importância da oração em sua vida.

Contexto

Para as crianças que já conseguem analisar o texto bíblico do Pai Nosso, abra a Bíblia em Mateus 6.9-14 e converse com os alunos sobre os acontecimentos que levaram Jesus a fazer essa oração a Deus. Com quem Jesus falava enquanto ensinava a oração? Por que ele achou que isso era necessário, e o que ele queria ensinar? Esta lição, que é adequada para crianças mais velhas, ajudará a ampliar a compreensão das palavras, pois elas descobrirão tanto o significado das palavras como o significado geral da lição.

Interpretando o Pai Nosso

Ensine o Pai Nosso com movimentos correspondentes às palavras para que as crianças participem fisicamente. Fique em pé e levante os braços dobrados acima de sua cabeça , enquanto diz: "Pai Nosso". Com um sorriso, olhe para o céu e estique os braços com as palmas das mãos abertas, dizendo: "Que estás nos céus". Abaixe a cabeça e os olhos em sinal de respeito e cubra a boca com as duas mãos, dizendo: "Santificado seja o teu nome". Abra os braços ao lado do corpo com as palmas das mãos abertas, olhando para o horizonte: "Venha o teu reino". Ao dizer: "Seja feita a tua vontade", abaixe a cabeça e os olhos novamente, dobre as mãos e pressione os dedos sobre os lábios. Apoie um joelho no chão, dizendo: "Tanto na terra", e abra as palmas das mãos e incline o rosto sorrindo para o céu, dizendo: "Como no céu". De pé, traga as mãos em concha em direção à barriga, dizendo: " O pão nosso de cada dia". Estique bem os braços com as palmas para cima, e termine a frase pedindo: "Dá-nos hoje ". Abaixe a cabeça e encoste as mãos fechadas no peito, enquanto pede a Deus: "Perdoa-nos as nossas dívidas". Abra bem os braços de uma vez com a cabeça abaixada, enquanto diz: "Assim como nós perdoamos aos nossos devedores". Apoie um joelho no chão e estenda o braço em defesa, pedindo: "E não nos induzas à tentação" Em seguida, cubra o rosto com as duas mãos e se incline, dizendo: "Mas livra-nos do mal." Ainda ajoelhada, endireite as costas e abra os braços durante a frase: "Porque teu é o Reino"; fique de pé, com os braços e o rosto erguidos em direção ao céu , dizendo: "e o poder ", e depois mexa os dedos e sorria ao dizer , " e a glória". Termine com a linha" Para sempre. Amém!", dobrando os braços acima da cabeça, de pé e sorrindo.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article