Como lidar com uma adolescente rebelde

Escrito por alex saez | Traduzido por guilherme rocha
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como lidar com uma adolescente rebelde
Adolescentes experimentam mudanças significativas que podem se manifestar como atitudes negativas (Comstock/Comstock/Getty Images)

Educar uma adolescente pode ser um processo difícil. Escola, amigos, relacionamentos e sociedade colocam uma enorme pressão sobre as emoções já intensas de sua filha. Seus sentimentos mistos muitas vezes resultam em uma fase de rebeldia durante a qual ela pode parecer odiar ou desfazer de você constantemente. Embora esse comportamento seja inaceitável, confrontá-la com ameaças ou punições não vai resolver o problema. Para que consiga que o comportamento de sua filha fique sob controle, você deverá fazê-la perceber que não é sua inimiga.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Paciência
  • Confiança
  • Comunicação

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Forneça mensagens positivas. A insegurança é um grande problema entre as adolescentes. Há uma tremenda pressão dos colegas e da cultura popular com relação à boa aparência e à aceitação. O mau comportamento de uma adolescente pode ser o resultado de pouco incentivo ou baixa autoestima. Desfaça suas preocupações e inseguranças, lembrando-a que ela é amada e valorizada.

  2. 2

    Seja consistente. Se sua filha adolescente está se rebelando ou rotineiramente se comportando mal, é preciso ter um conjunto específico de consequências sempre utilizado. Saber o que a aguarda caso ela mantenha o comportamento negativo pode fazê-la pensar duas vezes antes de fazer algo errado. Lembre sua filha de que seu trabalho é definir os limites e evitar que ela faça coisas que possam ser prejudiciais ou lhe causar constrangimento.

  3. 3

    Não entre no drama. Uma adolescente pode ser muito dramática por causa das emoções que está tentando resolver. Não reaja a esse comportamento. Em vez disso, deixe que ela saiba que você está lá para ajudá-la, dizendo coisas como: "Como você realmente se sente?" ou "Como posso ajudar?"

  4. 4

    Ajude-a a conter suas emoções. Adolescentes não percebem como seus corpos em crescimento afetam suas emoções. Como um adulto, você já experimentou isso e entende um pouco o que ela está passando. Explique-lhe que seu comportamento e sentimentos podem ser controlados e que ela tem o poder interior para fazê-lo.

  5. 5

    Seja paciente. O drama e o comportamento associado à adolescência acabará conforme ela sair dessa fase. Se você lembrar que ela é valorizada, mas seu mau comportamento não, ela finalmente vai melhorar e terá um comportamento mais apropriado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível