Mais
×

Como lidar com uma mãe possessiva

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Uma mãe possessiva pode deixar dificultar a vida dos filhos e dos amigos e esposos destes. Também chamadas de "dominadoras" e "controladoras", mães possessivas ainda estão aprendendo como libertar seus filhos e confiar nas habilidades deles de tomar decisões, o que é difícil se essas decisões forem diferentes das que a mãe tomaria. Lidar com uma mãe possessiva requer entendimento sobre de onde o comportamento dessa mãe ou sogra está vindo e aprender a ser amável, porém firme, quanto às suas decisões.

Instruções

Aprenda como lidar com uma mãe que não sabe libertar os filhos (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)
  1. Aprenda tudo o que puder sobre a infância da sua mãe, sobre a família e sobre as experiências de vida dela. Esses fatores podem influenciar como uma pessoa se comporta como adulta. Use as informações adquiridas para melhor entender de onde vem a atitude controladora ou possessiva da sua mãe. Entenda que o que ela passou molda o modo como ela age hoje em dia, mas que ela ainda tem o poder de escolher como trata os outros, incluindo seus filhos e os esposos destes.

  2. Reconheça que você não será capaz de cumprir todas as exigências da sua mãe ou mantê-la feliz o tempo todo. Resista à vontade de orientar sua vida de acordo com os desejos dela se você for um adulto. Faça escolhas de acordo com o que você deseja e valoriza na vida.

  3. Diga à sua mãe que você sabe que ela ama você profundamente e que você se sente grato por tudo que ela lhe deu e sacrificou por você. Explique que o desejo dela de não soltar você apenas faz com que você sinta que precisa se afastar; uma conversa sincera e carinhosa pode abrir os olhos da sua mãe para o comportamento possessivo que ela não percebe que está tendo.

  4. Estabeleça limites com a sua mãe e se recuse a permitir que ela controle a sua vida. Decida com que frequência você deixará ela interagir com você e sua família, como uma ligação todos os dias ou certo número de visitas a cada semana. Ou você pode reservar horas do dia ou eventos como férias ou jantares como momentos apenas para você e sua família.

  5. Saiba discernir quanta informação deve compartilhar com sua mãe sobre suas circunstâncias e decisões. Informe sua mãe após ter tomado a decisão, ao invés de durante o processo, para evitar receber muitas opiniões dela. Isso também evita que ela tenha oportunidades de tentar controlar a situação e manipular você para que tome a decisão que é melhor pra ela, e não pra você.

  6. Reconheça que a mudança leva tempo, tanto pra você quanto para sua mãe. Considere falar com um terapeuta de família profissional para receber conselhos e esclarecimentos sobre como o comportamento possessivo da sua mãe afeta você. Um terapeuta também pode ajudar você a desenvolver estratégias para lidar com ela de maneira saudável.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article