Lítio e a diabetes nefrogênica

Escrito por jennifer m. graham | Traduzido por alice matos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Lítio e a diabetes nefrogênica
Comprimidos (taking pills image by Victor B from Fotolia.com)

Lítio é um metal usado para tratar uma variedade de desordens psiquiátricas. Seu uso pode levar a certos efeitos colaterais, sendo um deles a diabetes nefrogênica insípida ou diabetes nefrogênica que pode ter um efeito colateral constrangedor caracterizado por micção excessiva. O uso de lítio e a diabetes nefrogênica devem ser monitorados por prestadores de serviço de saúde para prevenir complicações.

Outras pessoas estão lendo

Lítio

O lítio pertence a um grupo de elementos chamados metais alcalinos. É o metal mais leve assim como um dos mais macios. Existe uma variedade de usos industriais para esse metal, mas por muitos anos ele foi considerado em tratamentos medicinais. Ele afeta o fluxo de sódio pelo corpo e essa variação pode afetar obsessão ou excitação em uma pessoa. Desde 1950 ele foi considerado efetivo no tratamentos de desordens psiquiátricas, como depressão, bipolaridade e esquizofrenia.

Diabetes nefrogênica

Em geral, a diabetes é caracterizada por micção excessiva. Diferentemente da forma mais conhecida dessa doença (diabetes mellitus, um problema caracterizado por níveis altos de açúcar no sangue) a nefrogênica é causada pela falha do hormônio antidiurético, ADH (vasopressina), que controla apropriadamente os túbulos renais. Estes compensam uma parte do rim que regula a excreção e absorção da água. Na diabetes nefrogênica, os túbulos renais não funcionam apropriadamente e grandes quantidades de urina passam.

Causa

Fatores que podem causar a diabetes nefrogênica são o uso exagerado de certas drogas, desordem eletrolítica e obstrução da urina. O uso a longo prazo do lítio é considerado um fator em sua causa também. Uma maior mudança fisiológica, como a que pode ocorrer durante uma cirurgia, é considerada a promotora do começo dessa forma de diabetes quando o paciente faz uso de lítio. A diabetes nefrogênica também pode ser uma desordem genética que afeta homens, embora mulheres possam carregar o gene.

Sintomas

Os sintomas da diabetes nefrogênica são micção e sede excessivas. Se nenhuma, ou quantidades insuficientes de água são repostas no organismo, os sintomas seguintes podem ser: desidratação, fadiga, irritabilidade, dor muscular, dor de cabeça, baixa temperatura corporal, aumento da frequência cardíaca e perda de peso. Altos níveis de ADH podem estar presentes. Altas concentrações de partículas no soro sanguíneo ou baixas concentrações delas na urina também podem ser encontradas.

Tratamento

A interrupção do uso de lítio pode aliviar os sintomas. Hidroclorotiazida é outra droga que pode aliviar os sintomas causados pela diabetes nefrogênica. Tratamentos dessa forma de diabetes adquirida pelo uso do lítio podem ser de longo ou curto prazo. Qualquer tratamento da diabetes nefrogênica deve ser prescrito por um servidor do serviço de saúde.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível