Malato de magnésio para a insônia

Escrito por mike charmaine | Traduzido por luana santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Malato de magnésio para a insônia
Insônia é a incapacidade de dormir (soirée pyjama 17 image by Nathalie P from Fotolia.com)

A insônia afeta milhões de pessoas em todo o mundo. É uma doença recorrente entre muitos homens e mulheres. Este problema atinge muito mais as pessoas do sexo feminino. Na verdade, elas parecem ser predispostas a insônia. Esta também é a principal causa de depressão entre as pessoas. Estudos recentes têm mostrado que a maioria dos tipos de insônia pode ser reduzida com a ajuda de malato de magnésio.

Outras pessoas estão lendo

Insônia e seus tipos

A insônia é a incapacidade de dormir durante todo o período da noite, afetando a atividade diurna. Pode ser de vários tipos: a transitória, que dura apenas uma semana; a aguda, que pode durar algumas semanas; e a crônica, que permanece por mais de um mês. A transitória não é algo para se preocupar. O estresse que a provoca. A insônia aguda também não é muito grave, mas o tipo crônica é uma preocupação séria.

Causas da insônia

A insônia também pode ser o sintoma de um problema mais profundo. Se você acha difícil adormecer, então provavelmente é por causa de problemas de ansiedade. Se acorda no meio do sono, esta insônia pode ser por causa de lembranças dolorosas ou alguma condição médica subjacente. Se acorda regularmente muito cedo e é difícil passar o dia, então pode ser um sintoma de depressão clínica.

Insônia devido à deficiência de magnésio

Estudos mostram que a deficiência em magnésio é uma das principais causas da insônia, e mesmo se não houver tal deficiência, tomar malato de magnésio como um suplemento diariamente pode reduzir a ocorrência deste problema. O magnésio também é conhecido por ajudar em outras atividades corporais e é utilizado para combater a depressão. Se a insônia for por causa da depressão, tomar malato de magnésio é uma boa solução. É o tratamento mais conhecido para as duas doenças juntas.

Ingestão diária de malato de magnésio

A dose recomendada em sua dieta diária é de cerca de 400 mg, embora tomar mais não seja prejudicial. No entanto, ao usar suplementos de magnésio, a sua dose diária de ingestão deve, idealmente, ficar abaixo de 350 mg. A ingestão de malato de magnésio além desse limite deve ser feita apenas com a aprovação de um médico. Se tal suplemento não estiver produzindo resultados satisfatórios, então tente reduzir o cálcio de sua dieta diária.

Cuidado ao tomar malato de magnésio

Embora o uso de malato de magnésio não exija receita médica, é aconselhável conversar com um médico. Ao tomar magnésio, é importante manter um controle sobre a ingestão de cálcio. Este é um inibidor conhecido de receptores de magnésio no corpo e, portanto, irá reduzir a eficácia do malato.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível