Maneira correta de conectar um tanque de expansão a uma caldeira

Escrito por keith allen | Traduzido por mariana pelicano
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Maneira correta de conectar um tanque de expansão a uma caldeira
Instale um tanque de expansão corretamente (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)

Um tanque de expansão é projetado para absorver o excesso de água e a pressão dela em um sistema fechado de aquecimento de água. Sem ele, a água quente se expande, podendo causar um "martelo d'água" ou um ruído do sistema de aquecimento. Ele permite ao sistema de aquecimento manter um volume apropriado de água independentemente da expansão e contração dela que ocorrem devido ao aquecimento e resfriamento, respectivamente.

Outras pessoas estão lendo

Instalando um tanque de expansão em um sistema aberto

Os tanques de expansão são instalados, fisicamente, acima do resto da caldeira. O tanque aberto normalmente fica no sótão, acima da caldeira. Ele é conectado por um "T" à corrente de água quente que sai da caldeira para a bomba que alimenta os radiadores ou outra instalação de distribuição de calor. A posição elevada do tanque serve para um propósito importante. A alta pressão causada pela expansão da água quente força a água para cima do cano para o tanque de expansão.

Conforme a água esfria e contrai, resultando em uma menor pressão, a gravidade a traz de volta para o sistema da caldeira. O tanque de expansão também serve como um recipiente para recuperação da água que possa ter sido ventilada pela caldeira. No caso da caldeira transbordar, a água vai para o tanque de expansão ao invés de ser drenada pelo ralo. O tanque também é usado geralmente para introduzir água fresca no sistema da caldeira no caso de evaporação ou perda de água.

Instalando um tanque de expansão em um sistema fechado

O tanque de expansão em um sistema fechado ou selado pode ser instalado no mesmo nível da caldeira. A pressão do ar e da água dentro do sistema facilitarão o movimento da água ao invés da gravidade que é necessária em um sistema aberto. O tanque de expansão é acoplado ao sistema por um cano que é conectado ao sistema de água quente por um "T" instalado no cano de retorno para a caldeira dos radiadores. O tanque de expansão de um sistema selado é à vácuo com um medidor de pressão e, possivelmente, uma válvula de segurança instalada. Também são feitas conexões ao sistema de água no tanque para adicionar água, se necessário.

Alguns sistemas de caldeiras fechadas incorporam a caldeira e o tanque de expansão em uma única unidade, que também inclui medidores e válvulas de segurança necessários para a operação de um sistema de aquecimento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível