Maneiras diferentes de segurar o arco do violino

Escrito por keely brown | Traduzido por marina pastore
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Maneiras diferentes de segurar o arco do violino
A técnica do arco é um dos aspectos mais importantes do violino (Comstock/Comstock/Getty Images)

Não importa se você está tocando bluegrass ou violino clássico: professores e músicos profissionais concordam que não há apenas uma maneira correta de segurar o arco deste instrumento. Cada artista deve achar seu próprio nível de conforto e isto depende de vários fatores, incluindo a altura da pessoa e comprimento do braço, bem como o estilo pessoal e preferência. Ainda que existam princípios básicos que são padronizados e considerados essenciais, métodos diferentes de segurar o arco são reconhecidos como distintivos para cada estilo e físico de músicos.

Outras pessoas estão lendo

Princípios do manejo do arco

De acordo com o professor de violino e músico Darol Anger, o mais importante é ter mão e pulso relaxados. Ele recomenda a empunhadura padrão, com o dedo indicador direito (para os destros) cruzando o arco entre a segunda e a terceira articulações. Esta posição, diz Anger, permite os movimentos rápidos comuns no estilo bluegrass. O músico também recomenda que o dedo mínimo fique livre, a menos que seja necessário para apoiar o arco durante uma passagem da música.

Maneiras diferentes de segurar o arco do violino
Os dedos que seguram o arco devem ser curvos, não esticados. (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Técnica para manejar o arco

O artista folk Mickey Cochran recomenda segurar o arco do violino levemente com o polegar e os demais dedos, certificando-se completamente de que o punho está solto e flexível. O mais importante, aconselha, é pensar no arco como um fio condutor para as mãos, deixando-o fazer a maior parte do trabalho. Isto permite que a gravidade use o peso do arco contra as cordas.

Maneiras diferentes de segurar o arco do violino
O polegar pode ficar no talão ou na vara. (James Woodson/Digital Vision/Getty Images)

Variações

De acordo com o músico e professor de violino Chris Talley Armstrong, é aceitável repousar o polegar entre o talão (o suporte da parte anterior que segura o fio) e a vara, ou sob o talão. De qualquer modo, isto posiciona o dedo médio diretamente na transversal do polegar, com o indicador repousando na segunda articulação da vara e apontando para a parte anterior do arco.

Posição dos dedos

O violinista e professor John Blasquez frisa que os dedos que seguram o arco devem estar sempre curvados e arqueados, e não retos e estendidos. Diz também, entretanto, que o ângulo da curva depende do conforto de cada músico. Da mesma maneira, certa distância entre indicador e médio é aceitável, ainda que seja recomendada a menor abertura possível.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível