Como manusear uma bola de basquete?

Escrito por jonathan d'auria | Traduzido por agatha lopes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como manusear uma bola de basquete?
Basquete (Goodshoot/Goodshoot/Getty Images)

Alguma vez você já quis mostrar seus movimentos, como Michael Jordan ou LeBron James, agarrando a bola com uma mão enquanto olhava para baixo o seu adversário, antes de afundar a bola na cesta? Você precisa ser capaz de manusear uma bola de basquete para fazer isso.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Bola de basquete (de preferência nova e de couro)

Lista completaMinimizar

Instruções

    Como manusear a bola de basquete

  1. 1

    Compre uma bola de basquete em qualquer loja esportiva ou pegue uma bola usada. A bola de couro é a preferida, mas algumas das bolas de borracha de maior qualidade ​​têm uma aderência tão boa quanto as de couro. Certifique-se que a bola está livre de qualquer sujeira, poeira ou resíduo. Para isso, esfregue toda a superfície da bola com um pano úmido. Isso deve tornar a superfície da bola livre de deslizamento e, em alguns casos (dependendo do tipo de bola) mais pegajosa. A bola de basquete oficial (NBA) é de 72 centímetros de circunferência e pesa 170 gramas. Se você não pode manusear uma dessas bolas oficiais, compre uma bola de basquete feminino ou infantil.

    Como manusear uma bola de basquete?
    Bola de basquete
  2. 2

    Usando sua mão dominante, segure a bola com as duas mãos e gire-a de lado para que as costelas encontrem-se na palma da sua mão. As costelas são as linhas pretas que contornam os painéis na bola. Se a bola for colocada corretamente em sua mão, deverá haver uma costela vertical e três horizontalmente em seus dedos. Alinhe seu dedo médio com as costelas verticais indo para cima e para baixo (você pode manusear a bola em qualquer superfície da mesma, mas este é o melhor lugar para começar).

  3. 3

    Agora que o seu dedo médio está alinhado com a costela vertical, alinhe sua pontaria e seu dedo anelar nas duas linhas horizontais superiores. O polegar e o dedo mindinho, então, naturalmente, cairão em direção as linhas horizontais do fundo da bola. O tamanho da mão e dos dedos variam de pessoa para pessoa, mas geralmente seguem essa configuração e, mesmo que seus dedos não caiam exatamente como foi descrito, você pode colocá-los mais ou menos nesta formação para o sucesso.

  4. 4

    Enquanto está segurando a bola com as duas mãos, vire a mão que está espalmando a bola para baixo e solte a mão oposta, permitindo que a gravidade e a palma da sua mão duelem. Se der certo, estenda o braço para fora, na sua frente, para provocar o seu adversário, estilo Jordan.

  5. 5

    O passo final é adicionar essa pequena manobra a sua rotina de movimentos de basquete. Pratique isso cada vez que você for jogar. Aprenda a manusear a bola ao sair de um drible, enquanto gira e ao mesmo tempo ir para o "lay up". Você pode praticar isso fora da quadra também. A próxima vez que você estiver assistindo TV ou falando ao telefone, agarre uma bola e manuseie a mesma pelo tempo que puder. Depois de ter dominado com a mão dominante, tente com a sua mão oposta. Dominar esta técnica irá melhorar o seu jogo e, certamente, você ganhará "pontos legais" na quadra.

Dicas & Advertências

  • Dicas:
  • Fortaleça sua mão e punho usando um dispositivo de fixação (vendido em lojas de artigos esportivos) ou aperte uma bola de tênis, que dará resistência e poder aos seus dedos e antebraço.
  • Pratique espalmando, vá quicando a bola fora de uma parede ou no chão e tente deixá-la em contato com sua mão. Isso irá estabelecer a memória muscular de suas mãos e facilitará o manuseio da bola quando não estiver em movimento.
  • Trabalhe espalmando a bola de todos os seus ângulos, mova as suas mãos em torno da superfície da bola e use as espinhas para obter um forte aperto sobre ela.
  • Aprenda a usar a palma da mão na bola, segurando seu punho em várias posições. É raro passar ou jogar a bola da mesma forma duas vezes seguidas, por isso, é bom ser capaz de se adaptar a qualquer circunstância.

Não perca

Recursos

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível