Mais
×

Massoterapia para tendinite no punho

Quando a articulação do punho se torna inflamada, resultando em dor e irritação, a condição é denominada tendinite. Ela é causada pelo uso repetitivo dos tendões no punho, então, as pessoas que realizam os mesmos movimentos regularmente, tais como operários, atletas e pessoas que usam um teclado de computador ou mouse constantemente, estão propensas à tendinite.

A tendinite no punho é uma condição dolorosa (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Tratamento

A cura da tendinite no punho requer repouso da área afetada. O alívio da dor pode requerer até três semanas de descanso e a cura completa pode levar várias semanas adicionais. Usar o punho com moderação e somente de maneira que não cause dor é importante. A aplicação de gelo quando não estiver realizando movimentos com o punho ajuda a evitar o inchaço e possibilita que os tendões se recuperem.

Durante o processo de cura, a massagem pode ser usada para promover a cicatrização e alívio da dor. Se contratar um profissional, procure alguém que tenha experiência com pacientes que sofram de tendinite. Informe o massoterapeuta sobre a condição antes de iniciar a massagem para que ele possa localizar os tendões inchados para promover um melhor alívio da dor.

Auto-massagem

Para algumas pessoas que sofrem de tendinite no punho, a auto-massagem ajuda a aliviar a dor e inflamação. Há pontos específicos no antebraço que podem ser massageados para ajudar a reduzir a dor pela tendinite no punho. Uma área especial no antebraço é responsável pela maioria dos movimentos do punho e focar sobre esse ponto de pressão oferecerá alívio significativo da dor. Encontre o ponto localizando o nó ósseo na parte externa do cotovelo e se movendo para baixo no antebraço levemente, até sentir uma protuberância saliente. Este é um grande grupo de tendões. Movendo-se apenas 2,5 cm mais para baixo do antebraço, será encontrado um importante ponto de pressão. Quando pressionado, ele será sensível ao toque.

Após encontrar o local, tente usar a massagem de fricção. Essa técnica de massagem simples é feita movendo os dedos sobre a área onde ela é mais sensível. Esses movimentos devem ser feitos através dos tendões — ou seja, em todo o antebraço — em vez de para cima e para baixo. Comece aplicando uma pressão moderada até que ela cause algum desconforto. Se não houver desconforto nenhum, esse é o lugar errado ou a condição que a pessoa tem provavelmente não é tendinite. Se for muito doloroso ao toque, pressione mais suavemente. Se não conseguir tocar de jeito nenhum, a massagem não deverá ser usada como uma forma de tratamento.

Quando se começa a massagear a área, qualquer tipo de desconforto deverá diminuir após um ou dois minutos. Se o desconforto continua a ser o mesmo ou aumenta de intensidade, a técnica de massagem não está funcionando e deve ser interrompida. Se ele diminuir, aumente a pressão até que sinta desconforto novamente e massageie durante mais um a dois minutos. O desconforto deve diminuir novamente. Aumente a pressão outra vez e continue a massagear a área. Após um ou dois minutos de massagem com essa pressão, interrompa e aplique gelo à área por dois minutos ou até que a região esteja dormente para evitar inflamação. Essa técnica de massagem é ideal para tendinite e pode ser feita até três vezes por dia.

bibliography-icon icon for annotation tool Cite this Article