Medicamentos que causam tosse

Escrito por christine adamec | Traduzido por marcelo couto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Medicamentos que causam tosse
Alguns remédios aumentam o risco de tosse (Frau hustet image by R.-Andreas Klein from Fotolia.com)

Algumas drogas aumentam o risco de desenvolver tosse crônica, particularmente medicamentos inibidores da enzima de conversão da angiotensina (IECA), usados no tratamento da hipertensão. A sitagliptina, um medicamento para diabetes tipo 2, também causa tosse, de acordo com os professores James N. Baraniuk e Mary J. Jamieson, da Universidade do Leste do Tennessee, no seu artigo de 2010 sobre "Alergia, Asma e Imunologia Clínica". Eles notaram que mais de 6% dos usuários desenvolveram tosse e inflamação na garganta enquanto tomavam sitagliptina. Alguns antibióticos também podem causar tosse, bem como esteroides inalados.

Outras pessoas estão lendo

Inibidores da Enzima de Conversão da Angiotensina (IECAs)

O National Health Lung Education Program (NLHEP) afirma que mais de 20% dos pacientes que utilizam IECAs desenvolvem tosse e que nenhum IECA é melhor ou pior que o outro nesse sentido. De acordo com o NLHEP, não se sabe o que desencadeia a reação, somente que a tosse pode começar dentro de uma semana após o paciente iniciar o tratamento ou mais de um ano depois. A tosse causada por esses medicamentos varia de leve a extremamente seca, sendo pior à noite, quando a pessoa está deitada. Se a medicação for interrompida, os sintomas irão desaparecer entre duas semanas e alguns meses. De acordo com o especialista em pulmões Peter V. Dicpinigaitis, M.D. do Montefiore Medical Center, no Bronx, Nova Iorque, no seu artigo para a "Chest" em 2006, pacientes com tosse proveniente de IECAs podem passar a usar medicamentos bloqueadores do receptor de angiotensina, que apresentam um risco consideravelmente menor de causar tosse.

Sitagliptina

Para verificar as reclamações de que a sitagliptina causa tosse, Baraniuk e Jamieson analisaram os prontuários de 15 pacientes que tinham intolerância à essa substância. Eles encontraram sintomas de tosse, rinorreia (coriza) e fadiga ocorridos de uma a oito semanas após os pacientes começarem a usar a sitagliptina. Esses sintomas desapareceram uma semana após a medicação ser interrompida. Eles também observaram que inalar glicocorticoides ameniza os efeitos da alergia e permite que os pacientes continuem tomando a sitagliptina.

Antibióticos

No seu artigo de 2006 para a "Chest" sobre as causas da tosse, Udaya B.S. Prakash, M.D. observa que alguns antibióticos causam tosse seca e crônica mas nada anormal aparece na análise das imagens. Portanto, deveria-se concluir que a tosse foi induzida pelos antibióticos, mas geralmente não é o que acontece.

Alguns dos antibióticos que podem causar tosse são a anfotericina, a eritromicina, e antibióticos do grupo dos aminoglicosídeos e das sulfonamidas, segundo Prakash. Ele ressalta que o mecanismo da tosse está provavelmente relacionado ao motivo pelo qual a pessoa está tomando o remédio ou por uma doença infiltrativa.

Esteroides inalatórios

Às vezes, corticosteroides usados em inalações ou em sprays intranasais por pessoas com asma ou alergias pode induzir à tosse seca, de acordo com a equipe do site Mayo Clinic. Eles recomendam gargarejos com água entre cada baforada do inalador, certificando-se de cuspir a água e não engoli-la.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível