Dados gerais e curiosidades sobre Ares, deus da guerra

Escrito por ivan a. castro | Traduzido por wladimir d. uszacki
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

O deus grego Ares (Marte, para os romanos) é mais conhecido hoje como o deus da guerra e do derramamento de sangue. Ele também era adorado como o deus da coragem e virilidade, raiva, violência e assassinato, guardas municipais e defensores, policiais e pilhagem de guerra.

Outras pessoas estão lendo

Aparência física

Ares foi retratado como um jovem nu ou um homem de meia-idade com armadura. Em ambos os casos, ele estava sempre de capacete e carregava uma lança. O capacete e a lança tornaram-se seus símbolos.

Adoração

Principalmente temido ao invés de adorado, Ares, no entanto, tinha santuários importantes em Odrísia e na Trácia. Ele também foi o patrono das regiões gregas de Etólia, Flégia e Tesprócia. A serpente, o urubu, a coruja e o pica-pau são seus animais sagrados.

Poderes

As bênçãos de Ares eram coragem, resistência, força, vitória e paz. Suas maldições eram covardia, medo, rebeliões, invasão, fraqueza, derrota, saque de cidades e a morte.

Relacionamentos

Ares era filho de Zeus, o rei dos deuses, e Hera, a rainha. Ele não era casado, mas tinha um caso amoroso com a deusa do amor, Afrodite, esposa de Hefesto, o ferreiro coxo dos deuses. Com ela, Ares teve oito filhos: Eros (deus do amor físico), Fobos (deus do medo), Deimos (deus do terror), Harmonia (deusa da harmonia), Aretusa (a ninfa), Adrestia (companheira de seu pai), Anteros (deus do amor devolvido) e Himeros (deus do amor não correspondido). Ele teve vários outros filhos com várias mulheres. Os mais conhecidos destes casos foram: o guerreiro Cicno, Diomedes, rei da Trácia, e as Amazonas Pentesileia e Hipólita. O drácon Ismeniano, um monstro que guardava a primavera Ismene, na cidade de Tebas, também era seu filho. Ares foi pai de Rômulo e Remo, os fundadores mitológicos de Roma. Os heróis (semideuses) Heracles e Perseu, Atena (deusa do conhecimento) e Hermes (mensageiro dos deuses) estavam entre seus muitos meios-irmãos e irmãs.

Contos populares

• O caso com Afrodite. Descoberto quando Hefesto prendeu o casal em uma rede invisível durante um de seus encontros; • Ferido na Guerra de Troia. Sua meia-irmã, Atena, que apoiava os gregos e o herói Diomedes o feriu. Ares lutou pelos troianos; • A morte de Adonis, seu rival pelo carinho de Afrodite; • Confinado a uma jarra de bronze pelos gigantes Aloadae durante a invasão do céu; • Transformou Cadmo, o fundador de Tebas, e sua esposa Harmonia em serpentes como punição pelo assassinato do drácon Ismeniano; • Inutilmente interferiu na batalha entre Heracles e Cicno, filho de Ares; • Apoiou as amazonas, suas filhas, concedendo-lhes qualidades guerreiras; • Prendeu Sísifo, um personagem vil, que sequestrou a Morte; • Assassinou Halirrhothius, filho do deus do mar Poseidon, por estuprar Alcippe, uma de suas filhas. Os outros deuses do Olimpo o absolveram da acusação.

Fatos interessantes

Os gregos chamavam o planeta Marte de "Aster Areos", que significa a estrela de Ares. Terça-feira no inglês -- "Tuesday" -- tem seu nome originado no deus alemão Tyr ou Tiu, que era semelhante a Marte. Em espanhol, o mesmo dia da semana é chamado de Martes, em honra a Marte.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível