A melhor paçoca para as festas juninas

Escrito por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A melhor paçoca para as festas juninas
A base da paçoca é o amendoim triturado junto com farinha e açúcar (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

O mês de junho traz com ele as festas juninas que animam todo o país. Junto com o arraial, os quitutes são os principais elementos da festança. Entre eles, um dos mais típicos é a famosa paçoca. Uma das delícias juninas mais consumidas, a paçoca é um doce associado com a cultura caipira tradicional do interior dos estados de Goiás e São Paulo. O nome vem do tupi "po-çoc" e quer dizer "esmigalhar". Basicamente, o doce é feito com amendoim, farinha de mandioca e açúcar. É uma receita simples, mas que tem seus segredos. Aprenda agora a preparar a melhor paçoca caseira.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • 1 kg de amendoim torrado (sem pele e sem casca)
  • 2 xícaras (chá) de açúcar
  • 1/2 xícara (chá) de farinha de milho
  • 1 colher (chá) de sal

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Para começar a fazer a saborosa paçoca, é preciso preparar muito bem o amendoim. Comece triturando-o no liquidificador até adquirir uma consistência fina. Se preferir paçocas mais crocantes, deixe o amendoim um pouco mais grosso.

  2. 2

    Acrescente o açúcar, a farinha de milho e o sal. Processe os ingredientes novamente no liquidificador até que toda a mistura fique homogênea. Se preferir, é possível também moer os ingredientes em um processador.

  3. 3

    Em forminhas de paçoca (à venda na maioria dos supermercados durante o mês de junho), coloque a mistura com cuidado. Em seguida, ajeite com as mãos para que as paçocas fiquem todas da mesma altura. Aperte-as com os dedos para deixá-las bem compactas. Se não encontrar a forma adequada para criar cada paçoca, é possível usar potinhos de iogurte ou até canos de cartolina, ou pequenos canos de PVC, para deixá-las em formato de rolha.

  4. 4

    Depois de processada, a mistura já está pronta para ser degustada. Agora só basta desenformar e cortar da forma como preferir: em triângulos ou em pequenos retângulos. Se preferir manter as paçocas por mais tempo, conserve-as na geladeira. A receita está pronta. A típica paçoca de amendoim das melhores festas juninas do país já está pronta para servir. Bom apetite.

Dicas & Advertências

  • Uma variação dessa receita pode ser aplicada para preparar a paçoca diet. Para isso, basta trocar a farinha de milho por 1/2 xícara (chá) de leite em pó e 3 colheres (sopa) de adoçante culinário em vez do açúcar tradicional.
  • Para fazer uma paçoca com consistência mais cremosa, insira uma lata de leite condensado na mistura. Nesse caso, antes de servir, é ideal que a misture fique na geladeira por quatro horas.
  • Outra alternativa para fazer uma paçoca mais macia é adicionar um pacote de bolacha maizena à mistura.
  • Em Santa Catarina, na típica Festa do Pinhão, o doce é feito com pinhão triturado em vez de amendoim.
  • Tenha cuidado na hora de manipular a mistura antes de endurecer ,já que a paçoca tende a se esfarelar facilmente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível