As melhores cercas vivas para sol e sombra

Escrito por irum sarfaraz | Traduzido por amanda schmitt
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As melhores cercas vivas para sol e sombra
As plantas criam cercas vivas (Isolated hedge image by Pamela Uyttendaele from Fotolia.com)

A cerca viva é uma das formas mais populares de se criar privacidade ou esconder vistas indesejadas em uma paisagem. As perenes são conhecidas pela possibilidade de poda na altura e formato desejado, além de terem um crescimento rápido e natural e tolerarem sol e sombra. Ao escolher quais plantas usar, considere a sua taxa de crescimento, as necessidades de sol e solo e o espaço disponível no seu paisagismo para garantir que a sua cerva viva se desenvolverá.

Outras pessoas estão lendo

Cipreste de Leyland

O cipreste de Leyland ou Cupressocyparis leylandii é uma conífera de crescimento rápido que pode ganhar um metro ou mais por ano. O seu perfil de crescimento faz dele uma das árvores preferidas para cercas vivas e para quebrar o vento, sendo de fácil manutenção. Ele cresce em vários solos, desde que tenha uma boa drenagem. A planta é graciosa e a folhagem é aberta, crescendo de forma simétrica quando há espaço para isso. Plante as mudas deixando de 1,20 m a 3 m de distância entre elas, dependendo da densidade desejada para a cerca viva. O cipreste de Leyland fica com uma altura máxima em torno de 10 metros, crescendo melhor em exposição solar ou sombra parcial.

Buxo

O buxo, ou Buxux sempervirens, também conhecido como buxinho, é um arbusto que se difunde bastante, sendo muito usado como cerca viva no paisagismo. A folhagem é verde-escura no topo e verde-amarelada na parte inferior. Todas as variedades são tolerantes ao frio e algumas delas têm crescimento rápido, embora em sua maioria seja lento. As variedades Veludo Verde, Montanha Verde e Beleza Verde crescem de 10 cm a 15 cm por ano. O buxo Rotundifolia cresce entre 22 cm e 30 cm por ano. Plante-o em solos bem drenados, de preferência ao sol. O buxo prefere um solo ligeiramente ácido à ligeiramente alcalino. Como se trata de uma planta de raízes rasas, não se dá bem em solos secos e quentes. Para melhores resultados, é recomendável acrescentar ao menos 5 cm ou 7 cm de cobertura orgânica no solo.

Ligustrum

O ligustrum é um gênero botânico muito popular para a criação de cercas vivas altas e barreiras. Essa planta pertence à família dos arbustos perenes, naturais do norte da África, Europa e Ásia. O ligustrum cresce rápido e em praticamente qualquer lugar, até mesmo à beira-mar. As folhas ovais de 2,5 cm a 5 cm são de uma tonalidade verde-escura, possuindo crescimento denso. As variedades mais populares são o ligustrum japonês ou alfeneiro do Japão e o ligustrum da Califórnia. Plante em solos bem drenados, ao sol ou sombra parcial. Faça a poda com frequência para manter o formato, especialmente durante a estação de crescimento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível