Mini gardênias brancas

Escrito por reannan raine | Traduzido por laísa nascimento
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Mini gardênias brancas
As gardênias produzem flores muito perfumadas (Gardenia flower image by Buonfiglio from Fotolia.com)

As mini gardênias brancas são belas plantas com folhas de um verde rico e flores com uma deliciosa fragrância. Elas podem ser mantidas como plantas caseiras, podem ser penduradas em varandas ou decks, colocadas em floreiras ou usadas para estabelecer limites. Elas são difíceis de cultivar com sucesso. Se você é um jardineiro ávido que está preparado para um desafio, a mini gardênia branca é a planta certa para você.

Características

As gardênias são arbustos perenes. Sua folhagem é grossa, encerada e de um verde escuro. existe uma variante que possui pequenas folhas ovais verde-acinzentadas com um tom meio esbranquiçado. As gardênias de todos os tamanhos são particularmente conhecidas pelas suas belas flores brancas perfumadas. Os tipos miniatura ou anãs geralmente produzem flores de aproximadamente 2.5 cm.

Tipos

Existem diversos tipos de mini ou gardênias anãs. As Gardênias jasminóides "Radicans", as Gardênias jasminóides "Radicans Variegata" e as Gardênias jasminóides "Brancas" são alguns exemplos de pequenas plantas dessa espécie.

Tamanho

As mini ou gardênias anãs possuem normalmente entre 15 cm e 0.6 ou 1 metro de comprimento. Algumas ficam bem compactas, enquanto outras tendem a crescerem menos, mas se espalham na largura de 0.5 a 1 metro.

Geografia

As gardênias se dão melhor em locais de clima mais quente, ou seja, no norte e nordeste do Brasil. Até mesmo nessas condições climáticas, elas devem ser mantidas dentro de cada durante os meses mais frios do inverno.

Temperatura

As gardênias que vivem dentro de casa precisam de temperaturas moderadas durante o florescimento. As temperaturas durante o dia devem ficar entre 18 e 24 graus Celsius e durante a noite devem ficar entre 15 e 16 graus.

Considerações

As mini gardênias são notoriamente difíceis de crescer com sucesso. Devem ser plantadas em solo fértil com musgo de turfa e adubo. Elas têm um sistema de raízes superficiais, então deve-se ter cuidado para não cavar muito fundo quando se trabalha ao seu redor, se elas estiverem plantadas em uma floreira. A cobertura vegetal deve ter uma profundidade de cinco a sete centímetros para a retenção da umidade e controle da temperatura e de ervas daninhas.

As gardênias precisam de um tipo fertilizante rhododendronazalea, que deve ser aplicado a cada três semanas durante todo o período de crescimento. Elas devem ser regadas regularmente, se mantidas em vasos ou em um jardim ao ar livre. O solo não deve ser muito molhado ou completamente seco. As gardênias mantidas dentro de casa devem ficar em uma área muito bem iluminada e devem ser regadas com água em temperatura ambiente.

Advertência

As gardênia são suscetíveis à infestação de insetos como moscas brancas, pulgões, cochonilhas e ácaros. Elas também desenvolvem facilmente manchas foliares, oídio, virótica, antracnose, fumagina e cancros. Regá-las irregularmente e as mudanças extremas de temperatura farão com que os botões se soltem e as pontas das folhas escureçam. As folhas da planta tendem a perder sua exuberante cor verde intensa e a amarelar, uma condição conhecida como clorose, devido à baixa acidez.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível