Como montar um barco pequeno de compensado

Escrito por will charpentier | Traduzido por thomas m. do n. ghadban
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como montar um barco pequeno de compensado
Uma grande forma de se divertir na água é usando barcos (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

Pegue algumas placas de compensado naval, das padrões de 10 por 15 cm, e adicione um pouco de imaginação e tempo disponível num fim de semana, e você poderá fazer um barco de compensado. Um barco de compensado bem construído, com a popa reforçada e um motor montado nela, o barco pode se tornar uma fonte viável de recreação para qualquer um que quiser gastar seu tempo na água.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Compensado naval de 1,8 cm
  • Compensado naval de 0,6 cm
  • Pranchas de 2,5 por 25 cm
  • Tábuas de 5 por 10 cm
  • Ferramentas básicas de carpintaria
  • Parafusos para barco número 12, 6,25 cm
  • Parafusos para barco número 12, 7,5 cm
  • Parafusos para barco número 12, 15 cm
  • Lápis para madeira
  • Estopa de silicone
  • Primer de látex acrílico
  • Primer de látex acrílico em gel, para exteriores
  • Pincéis
  • Luvas para trabalho
  • Óculos de segurança

Lista completaMinimizar

Instruções

    Construindo o barco

  1. 1

    Faça a costela da base do barco com as madeiras 5 por 10 cm. Corte nesgas neles para fortalecer as juntas de compensado naval de 0,6 cm. Similar às costelas do corpo humano, as do barco seguram o resto de sua estrutura. A popa do barco - que fica com o motor exterior - é uma costela reforçada mais traseira da estrutura.

    Como montar um barco pequeno de compensado
    Instruções - Primeiro passo
  2. 2

    Faça a quilha cortando uma madeira de 5 por 10 cm do comprimento do barco. Prenda o poste traseiro, também feito de uma das madeiras 5 por 10 cm, à popa da quilha com os parafusos de 15 cm. Novamente, como no corpo humano, as costelas precisam da coluna para conectá-las, e a quilha serve como tal. O poste traseiro serve como extensão da coluna e dá estabilidade extra, como o cóccix.

    Como montar um barco pequeno de compensado
    Instruções - Segundo passo
  3. 3

    Vire as costelas de cabeça para baixo e prenda a quilha e o poste traseiro nas costelas, começando com a popa e indo para frente, igualando os espaços entre as costelas e prendendo os parafusos de 7,5 cm. A ultima parte das costelas deve ser instalada na proa do barco, formando um arco. Prenda a sobrequilha na parte interior das costelas com os parafusos de 15 cm, prendendo eles nas costelas e na quilha. A sobrequilha dá estabilidade extra e mais rigidez para a quilha e as costelas, transferindo as forças longitudinais para as quilhas e o casco.

  4. 4

    Prenda a trave horizontal dentro das costelas na parte de baixo, passando-as para fora das costelas dos lados, usando os parafusos de 7,5 cm. A trave horizontal dá ainda mais força para a lateral do casco, ajudando a prevenir flexões longitudinais que podem quebrar a quilha - ou até o barco - na metade.

    Como montar um barco pequeno de compensado
    Instruções - Quarto passo
  5. 5

    Corte o compensado naval de forma que ele se encaixe no resto da estrutura. O compensado formará a "pele" do casco - as placas do casco. Use os parafusos de 7,5 cm para prender o compensado nas costelas e na trave horizontal, em todos os locais que eles se encontram. Passe a estopa nas emendas, tanto dentro quanto fora do barco.

    Como montar um barco pequeno de compensado
    Instruções - Quinto passo
  6. 6

    Corte as pranchas de 2,5 por 25 cm para prender entre a parte superior das costelas, abaixo do corrimão do convés, para formar os assentos. Corte triângulos de reforço para servirem como suportes para os assentos e prenda-os nas costelas com os parafusos de 6,25 cm, com a parte superior do suporte do assento 8 cm abaixo da parte superior do corrimão do convés. Prenda os assentos no suporte do assento com os parafusos de 6,25 cm.

    Como montar um barco pequeno de compensado
    Instruções - Sexto passo
  7. 7

    Amarre o barco na costa para testar a flutuabilidade do barco sem ocupantes. Observe-o por duas ou três horas para ver se água vaza para dentro dele. Marque os lugares onde ocorrem os vazamentos com o lápis para madeira. Tire o barco da água, e deixe que o casco seque por um dia. Passe novamente a estopa pelo barco, dando atenção especial para os lugares onde o vazamento ocorria. Deixe a estopa agir de acordo com sua embalagem. Teste novamente o barco na água e se assegure que não há mais vazamentos. Tire o barco da água e deixe que ele seque por mais um dia. Passe primer e pinte o barco. Deixe que a tinta seque de acordo com as instruções do fabricante.

Dicas & Advertências

  • Barcos são muito mais fáceis de se construir de ponta cabeça, tirando a parte de prender a sobrequilha e finalizar o trabalho, como adicionar os assentos.
  • Trabalhos de carpintaria tem muitos riscos inerentes; medidas de precaução, incluindo luvas e óculos de proteção devem ser usadas apropriadamente.
  • As ilustrações não mostram desenhos de cascos completos; desenhos de cascos completos e dimensionados estão disponíveis na maior parte das revistas e sites de navegação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível