Como motivar os idosos a fazer exercícios físicos

Escrito por ehow contributor | Traduzido por carol matos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como motivar os idosos a fazer exercícios físicos
A atividade física em grupo é muito benéfica para a saúde dos idosos (Jupiterimages/Stockbyte/Getty Images)

Um dos melhores presentes que a família ou a comunidade pode dar aos seus membros idosos é motivá-los a fazer exercícios físicos. Os idosos podem permanecer bem ativos com seus oitenta ou noventa anos de idade, mas muitos não se sentem confortáveis para se exercitar. Alguns acham que estão velhos demais ou muito frágeis para os exercícios, enquanto outros acham que a sua condição de saúde impede a realização de atividades extenuantes. Todas essas objeções vão de encontro a estudos mostrando que os exercícios físicos não precisam ser extenuantes; que idosos de qualquer idade podem praticar atividades físicas com segurança, e que os benefícios dos exercícios para os idosos superam os riscos.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Informe o idoso sobre os benefícios dos exercícios físicos. Explique como exercícios de força, equilíbrio e alongamento irão aumentar a sua independência e qualidade de vida.

  2. 2

    Peça ao médico ou ao cuidador do seu familiar idoso para ajudar a motivá-lo a se exercitar. Os profissionais da saúde falam com mais autoridade sobre o assunto, então, o idoso terá maiores probabilidades de colocar em prática os conselhos dados.

  3. 3

    Dê um equipamento ou acessório de ginástica para que o idoso realize exercícios. Pesos de mão, caneleiras, bicicleta ergométrica ou tapete de ioga, todos são grandes ideias para motivar os idosos a iniciar um programa de exercícios.

  4. 4

    Procure aulas especiais para idosos ou grupos de ginástica na vizinhança e leve o idoso para observar a atividade. Assim que ele ver outras pessoas da mesma idade aproveitando aquele momento, e escutar os depoimentos sobre os benefícios do exercício, ele ficará motivado para se juntar ao grupo.

  5. 5

    Ajude o idoso a preparar um programa de exercícios com objetivos específicos e um quadro para acompanhar os avanços. O programa deve começar com objetivos simples a curto prazo para que ele adquira confiança, como por exemplo, aumentar o tempo de caminhada ou a distância a cada semana. À medida que o idoso ficar mais forte, aumente o tempo e a intensidade de cada atividade e defina metas a longo prazo.

  6. 6

    Introduza novos exercícios gradualmente, e explique os benefícios específicos de cada atividade, para que o idoso possa notar uma melhora específica. Por exemplo, apresente exercícios para fortalecimento dos joelhos e explique como esses exercícios irão auxiliar no equilíbrio e no caminhar.

  7. 7

    Encontre oportunidades de ginástica que o idoso possa pagar. O custo pode impedir muitos idosos de se engajarem em atividades físicas. Faça uma lista das academias gratuitas e de baixo custo, centros de idosos, programas de exercícios na vizinhança, clubes de caminhada, aulas de dança, parques e shoppings, onde o idoso possa se exercitar de forma acessível.

  8. 8

    Seja sensível às preocupações dos idosos quanto à segurança. Peça a um profissional de saúde para tratar das questões relativas à segurança e tranquilizá-lo quanto aos exercícios que ele irá fazer, deixando bem claro que os exercícios serão voltados especialmente para o corpo dele.

Dicas & Advertências

  • Entre em contato com o centro para idosos da sua região para que ele ofereça palestras motivacionais direcionadas ao público da terceira idade.
  • Aconselhe os idosos a falar com o médico antes de iniciar um programa de exercícios.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível