Movimento populacional e crescimento da economia

Escrito por jason chavis | Traduzido por mariana pelicano
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Os movimentos populacionais podem ter variados efeitos em uma certa região, dependendo da situação econômica. No entanto, a maioria dos movimentos populacionais está associada ao crescimento da economia devido ao aumento da força de trabalho e maior demanda por bens e serviços. Esse movimento, porém,ocorre na forma tanto de imigração como de emigração. Ele pode ser analisado no nível de quais fatores rurais, suburbanos e urbanos das regiões mudam a dinâmica da economia.

Outras pessoas estão lendo

Significado

A forma mais comum de movimento populacional é a imigração, que é o processo pelo qual uma pessoa, ou grupo de pessoas, entra em um país por um período temporário, através de um programa de naturalização ou por meios ilegais. Isso causa um aumento da população em uma certa área, aumentando a força de trabalho e também criando uma maior demanda por bens e serviços. A imigração é auto-sustentável contanto que o sistema econômico continue crescendo. No entanto, em períodos de declive, a imigração pode causar uma maior degradação do sistema. Se trabalhadores imigrantes estão dispostos a receber menores salários que os antigos residentes, a situação de estagnação toma espaço -- os salários caem a medida que os preços dos bens e serviços caem para acomodar. Isso causa a degradação de toda a economia. Por outro lado, se a economia está crescendo, a imigração aumenta para preencher cargos vazios na força de trabalho.

Efeitos

A imigração para um país significa que a emigração está ocorrendo de algum outro lugar. Isso pode ter efeitos positivos ou negativos na área onde está ocorrendo emigração. Em uma situação em que a economia é pobre, como na maioria dos países de terceiro mundo, a saída de uma parte da força de trabalho cria novas oportunidades para a população remanescente para preencher os papéis cruciais, o que estabiliza a situação econômica local. No entanto, se a economia está crescendo continuamente, um movimento populacional da região pode causar a parada do crescimento e o início de um recesso.

Considerações

A razão para a ocorrência de movimentos populacionais são, frequentemente, oportunidades econômicas. Em certas áreas do país, e do mundo como um todo, existe uma variedade de condições que dificultam conseguir um emprego. Exemplos incluem cidades que perderam sua indústria primária ou nações em que todas as possibilidades econômicas não são encontradas como nas nações industrializadas. O movimento populacional é também um importante fator no processo educacional. Muitas pessoas deixam áreas em que o potencial de crescimento econômico é limitado, indo em direção a áreas prósperas para o sucesso. A desvantagem disso na ampla economia é que cria um crescimento econômico centralizado. Enquanto uma cidade ou área de um país pode se beneficiar de um influxo de pessoa, a área emigrada está sujeita a fatores recessivos. Muitos economistas e sociologistas chamam isso de "fuga de cérebros".

Benefícios

Movimentos populacionais ajudam no ciclo econômico de países industrializados, especialmente os Estados Unidos. Durante o final do século 19, um grande influxo de imigrantes irlandeses criou uma força de trabalho e preencheu as necessidades de trabalho da Revolução Industrial tomando muitas posições em fábricas. Um curto período de tempo depois, muitos afro-americanos, que anteriormente viviam primariamente no sul, começaram a se mover em direção ao norte, em áreas urbanas. Novamente, isso criou um forte excedente de trabalho que aumentou o crescimento da economia. Após a Segunda Guerra Mundial, a criação de subúrbios inflou a população mais uma vez. O ataque das grandes corporações ajudou a criar uma classe média que escolheu viver em subúrbios afluentes, ao invés das cidades. Isso gerou uma queda na situação econômica nas áreas urbanas com a perda de trabalhadores talentosos e uma explosão econômica em áreas suburbanas, onde muitos gastavam seu dinheiro.

Potencial

De acordo com um censo realizado em 2001 pela Fundação Joseph Rowntree, o deslocamento de áreas urbanas para áreas suburbanas se reverteu. Áreas urbanas agora estão atraindo mais trabalhadores de classe média-alta, estimulando o crescimento econômico das cidades. Esse crescimento, junto com o aumento do custo da energia, estimulou a necessidade de tornar as cidades mais ecológicas, ao nível da nação. A implementação de tecnologias solares em telhados e o foco crescente em transporte público criou novos empregos. De acordo com o Departamento de Energia dos Estados Unidos, a renovação ecológica urbana foi uma indústria de 2 bilhões de reais em 2007, com milhões sendo empregados em projetos e construções.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível