Nutrição: gengibre cristalizado

Escrito por maggie mertens | Traduzido por weber figueiredo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Nutrição: gengibre cristalizado
O gengibre cristalizado é a versão doce da raiz do gengibre (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

O gengibre cristalizado é uma versão de fruta seca feita com a raiz do gengibre, usada pelas pessoas durante séculos. Pedaços da raiz são cozidos em água com açúcar e, em seguida, passados no açúcar para secar e preservá-los. Muitas pessoas o comem como sobremesa, mas ele também possui fins medicinais como ajudar na digestão e curar náuseas e diversos dos sintomas do resfriado.

Outras pessoas estão lendo

Calorias

Nove pedaços de gengibre cristalizado, cerca de 30 g, contêm cerca de 100 calorias, com zero caloria de gordura.

Carboidratos

A porção de 30 g de gengibre cristalizado fornece 26 g de carboidratos. Este total inclui 11 g de açúcar, zero grama de fibra e 15 g de outros carboidratos. O gengibre cristalizado é classificado como um alimento 100 % composto por carboidratos, sem nenhuma proteína ou gordura.

Vitaminas e minerais

O gengibre cristalizado possui vitamina A, beta-caroteno, 40 mg de cálcio, 1,1 mg de ferro e 10 mg de sódio.

Gorduras

O gengibre cristalizado é completamente livre de gorduras (inclusive saturadas).

Como reméido

A raiz de gengibre, mesmo na sua versão cristalizada, ainda é um excelente remédio para muitas doenças diferentes. As pessoas vêm utilizando o gengibre durante séculos para tratar tudo, desde náuseas a disenteria e tosse. Sendo ele um remédio natural, muitas pessoas incentivam seu uso em casos como o enjoo matinal associado à gravidez ou intoxicação alimentar durante uma viagem, já que ele geralmente é fácil de ser encontrado e transportado. Ele também é sugerido para os diabéticos, pois pode reduzir a glicose no sangue e acelerar o metabolismo. Muitos o usam simplesmente como uma ajuda digestiva, para dores de estômago ou gases. O gengibre também pode ajudar a cessar febres altas e tratar da tosse e outros problemas respiratórios associados à gripe ou resfriado. Devido à sua capacidade de reduzir a temperatura do corpo, muitas mulheres na menopausa também o acham útil para aliviar as ondas de calor.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível