Conhecimento

Objetivos de atividades e jogos infantis

Escrito por jason brick | Traduzido por mayra dias
Objetivos de atividades e jogos infantis

Jogos e atividades podem ajudar a estreitar laços com elas

Polka Dot/Polka Dot/Getty Images

Os jogos e atividades infantis podem cumprir uma variedades de objetivos. Independentemente de propósitos específicos, usar a competição, atividade mental ou física e compartilhar objetivos podem transformar muitas aulas em projetos que as crianças possam se entusiasmar. Professores, treinadores e pais podem usar todos os jogos e atividades para ajudar as crianças a fazerem um bom trabalho e formar laços mais fortes com elas, sob seus cuidados.

Outras pessoas estão lendo

Desenvolvimento físico

Os jogos e atividades com um forte componente físico podem ajudar as crianças a desenvolverem sua força física, coordenação, resistência e destreza. Esportes como basquete, natação e artes marciais são os exemplos mais óbvios desse tipo de atividade. Outros exemplos incluem, jogos de bater palmas, cama de gato, o mestre mandou e cabeça, ombros, joelho e pé.

Desenvolvimento mental

Os jogos e atividades que envolvem pensamento, criatividade ou imaginação acelerarão o desenvolvimento mental da criança. O trabalho de casa é o exemplo de uma atividade comum, mesmo que impopular, com o objetivo de promover o desenvolvimento mental. Quebra-cabeças, eu espio com meus olhinhos e jogos imaginativos são bons exemplos de jogos mentais mais proveitosos. Muitos jogos de tabuleiro, como xadrez, Detetive ou Palavras Cruzadas, também promovem desenvolvimento mental.

Desenvolvimento social

Jogos e atividades também podem estimular a escuta, o trabalho em equipe e o espírito esportivo. Atividades em grupo são as melhores ferramentas para esse objetivo, incluindo esportes em equipe e jogos como charadas. Jogos de interpretação como Dungeons and Dragons também possuem um forte aspecto colaborativo.

Divertimento

Apesar de às vezes ir contra a corrente, não tem problema se um jogo infantil tiver como único objetivo a diversão. Verdade, é fácil (e tentador) transformar todos os jogos em algum tipo de experiência de aprendizado, mas as crianças precisam de uma folga também. De acordo com Richard Louv, autor de "Last Child in the Woods", uma hora da brincadeira livre pode ser mais valiosa para o desenvolvimento infantil do que uma atividade regrada em sala de aula. Ao observar as crianças no parquinho, você pode ver que brincadeiras autodirigidas podem desenvolver as crianças em um ou mais níveis.

Babá

Nós não gostamos de admitir, mas às vezes os cuidadores dão às crianças uma atividade só para tirá-la do seu pé. Brincadeiras ao ar livre, jogos imaginativos, de tabuleiro, televisão e videogames podem ajudar a redirecionar a atenção de uma criança e dar uma folga para os pais, professores ou babás.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media