Como obter a cópia de um testamento

Escrito por contributing writer | Traduzido por dyogo victor amorim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como obter a cópia de um testamento
Saiba como pedir uma cópia de um testamento (Creatas/Creatas/Getty Images)

Lidar com a perda de um ente querido pode ser difícil. Para obter uma cópia de um testamento, deve-se ter a certeza de que ele existe ou não foi perdido. Um tribunal considera um testamento como um dos documentos mais sacros porque é a única maneira dos falecidos se comunicarem ou expressarem seus desejos para os restos mortais de sua propriedade. Ele também é considerado o mais privado dos documentos oficiais. Ele não está disponível para o registro público até quase um ano após o falecimento, com leis rigorosas a respeito de como a vontade é realizada. Qualquer herdeiro potencial tem o direito de obter uma cópia de um testamento antes deste se tornar registro público.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Solicite uma cópia do testamento no tribunal. Para iniciar o processo de solicitação de uma cópia dele a partir do registro público, é necessário ter o nome completo do falecido juntamente com sua data de nascimento e local de residência. Essa informação será necessária para os formulários do tribunal do condado que precisam ser preenchidos para a solicitação. Uma taxa pode ser cobrada para arquivar a solicitação de uma cópia. Um herdeiro potencial pode ter o direito de ver o testamento antes dele se tornar uma questão de registro público, o que vai acontecer depois possivelmente passando por campos de inventário.

  2. 2

    Entre em contato com o executor nomeado ou administrador designado pelo testamento. Se o falecido havia criado um testamento, o executor nomeado tem a responsabilidade de distribuir os restos de uma propriedade. Pode levar até um ano para o executor de um testamento assegurar que todas as reivindicações a respeito do espólio do falecido tenham sido pagas e antes que quaisquer espólios remanescentes possam ser entregues a qualquer uma das partes citadas no testamento. O testamenteiro nomeado ou administrador nomeado será arquivado com o tribunal.

  3. 3

    Confira editais e pergunte se o testamento é em tribunal de sucessões e se um número de processo foi atribuído. Um tribunal pode querer determinar se o testamento é válido antes de ser executado. Leis de propriedade variam de estado por estado, mas uma cópia será mantida em arquivo pelo tribunal. Ela está disponível como registro público. Solicitar uma cópia ao tribunal pode ter de ser feito por escrito, pessoalmente ou por telefone, e uma taxa pode ser cobrada. Entre em contato com o funcionário do tribunal para descobrir o procedimento, já que o processo de solicitação pode variar por região.

  4. 4

    Requisite do tribunal uma cópia do testamento enquanto ele ainda está em inventário. Se o testamento estiver atualmente em inventário - ou por algum motivo não foi a tribunal -, você pode requisitar ao tribunal uma contestação ao testamento como um possível herdeiro. O que está sendo executado não pode ser a vontade final, ou o falecido pode não ter criado o testamento em um estado mental lúcido. O processo de inventário determinará que o testamento sendo executado é uma cópia legal.

  5. 5

    Comunique-se com parentes ou amigos do falecido para tentar descobrir se o testamento não pode ter sido transformado em registro público por um tribunal. Nem todo testamento vai a inventário. O processo de inventário pode depender do imóvel a ser distribuído no testamento, e isso varia de acordo com as leis estaduais. Para transferir títulos e para a maioria das "propriedades reais", como um carro ou casa, o testamento deve ser apresentado em um tribunal de comarca que vai determinar esses procedimentos. Cabe ao executor designado pelo testamento levar a cabo as responsabilidades acima mencionadas.

Dicas & Advertências

  • Se um testamento é criado ou auxiliado pelos serviços de um advogado, esse mesmo advogado é obrigado a avisar as partes descritas no testamento.
  • Se não houver testamentos - ou se o testamento for contestado sem nenhum auxílio ou versão recente, sendo não reconhecido pela corte judicial -, uma propriedade será distribuída de acordo com as leis locais de herança e sucessão após todas as taxas federais terem sido pagas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível