A origem das festas juninas

Escrito por victoria vajda
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A origem das festas juninas
Festa junina tem que ter fogueira (Ethan Miller/Getty Images News/Getty Images)

A festa junina, também conhecida como arraial, festa caipira ou de São João, é uma das celebrações mais populares da cultura brasileira. Chegou ao Brasil com os colonizadores portugueses ainda no século XVI, inicialmente com um caráter religioso mais marcado. Nascida na Europa, seu nome original era “festa joanina”, pois era a celebração de São João, o santo festeiro. No Brasil a comemoração passou a ser chamada “festa junina” por ser realizada no mês de junho – o dia de São João é 24 de junho – e ganhou traços mais locais ao misturar costumes da cultura caipira do interior do país. Saiba mais sobre esta festa tão brasileira e a origem de seus elementos mais característicos.

Outras pessoas estão lendo

Festa para os santos

A festa se tornou uma celebração popular, ultrapassando o seu caráter religioso. No entanto, muitas paróquias realizam suas quermesses misturando os aspectos populares e a tradição religiosa da festa. Os santos homenageados são Santo Antonio, conhecido como o santo casamenteiro, São Pedro, o santo fundador da igreja, e, claro, São João, o santo das festas, que inspira a origem da comemoração.

A origem das festas juninas
São João, o santo festeiro (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Dançar quadrilha

Essa dança tão comum nas nossas festas juninas, onde os casais de braços dados dançam em círculos, se cumprimentam, trocam de pares e fazem uma série de movimentos juntos, vem da dança palaciana francesa, “quadrille”, popularizada no Brasil no século XVIII. Para organizar o baile, foi incorporado um narrador que vai dando ordens aos participantes usando palavras em francês com acento bem brasileiro (anarriê, por exemplo, vem de “en arrière” que significa “para trás”). Possivelmente por influencia da celebração de Santo Antonio, o santo casamenteiro, virou tradição que a quadrilha seja liderada por um casal de noivos e durante a dança seja celebrado um divertido casamento de mentirinha.

A origem das festas juninas
Todos com os seus pares que vai começar a quadrilha! (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Bandeirinhas e balões

Outro costume religioso que foi incorporado às festas juninas e poucos sabem é a origem das bandeirinhas coloridas. Para celebrar os três santos (São João, Santo Antônio e São Pedro) eram colocadas bandeiras em homenagem a eles. Com o passar do tempo e a popularização das festas, a bandeiras santas foram sendo substituídas pelas bandeiras coloridas que hoje são indispensáveis para uma festa junina de verdade. Os balões incandescentes que, um dia, foram símbolos importantes da festa e atualmente estão proibidos, pois se mostraram muito perigosos, eram usados como forma de avisar as pessoas da região que estava pra começar a festança. Hoje em dia ainda vemos este símbolo nas festas, mas agora só como enfeite, sem fogo. Segurança em primeiro lugar.

A origem das festas juninas
Balões com fogo estão proibidos (David McNew/Getty Images News/Getty Images)

Comidas típicas

Canjica, pamonha, curau, pipoca, essas são só algumas das delícias mais comuns nas festas juninas. O costume de consumir comidas à base de milho nesta festa vem do fato de junho ser época de sua colheita. Por isso, a festa também celebra a abundância da produção com pratos diversos, doces e salgados. Outros pratos típicos vêm da tradição culinária do interior do Brasil. Doces com amendoim (pé de moleque e paçoca), doces caseiros à base de frutas (goiabada, cocada, doce de abóbora), pinhão, bolo de fubá, maçã do amor e muito mais. E como junho é um mês frio, não pode faltar também o vinho-quente e o quentão pra esquentar.

A origem das festas juninas
Milho é um dos principais ingredientes das comidas da festa junina (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível