Como os ouvidos estão conectados à garganta?

Escrito por andy pasquesi | Traduzido por aline cortez
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como os ouvidos estão conectados à garganta?
A tuba auditiva evita que uma infecção migre da garganta e dos sínus para o ouvido interno

A tuba auditiva tem aproximadamente 32 mm de comprimento, 2 mm de largura e vai do ouvido médio até uma abertura na parte posterior da cavidade nasal. Normalmente, a tuba auditiva é fechada por uma série de músculos controlados tanto pela parte consciente quanto pela inconsciente do cérebro. Ficando fechada a maior parte do tempo, a tuba auditiva evita que uma infecção migre da garganta e dos sínus para o ouvido interno.

Outras pessoas estão lendo

O orifício faríngeo

Localizado apenas poucos milímetros acima do palato duro, na parte posterior da cavidade nasal, o orifício faríngeo permite que o fluído seja drenado do ouvido médio (via tuba auditiva) para a garganta e o estômago. Do mesmo modo, quando uma diminuição da pressão atmosférica faz com que a pressão do ar no ouvido interno empurre o tímpano (dando a impressão de que o ouvido está entupido), bocejar e engolir abrem a tuba auditiva. Isso permite que o ar pressurizado no ouvido interno saia através do orifício faríngeo, igualando a pressão.

Mudanças na estrutura

No nascimento, a mandíbula e os ossos da face ainda não estão completamente desenvolvidos; conforme os humanos avançam para a maturidade, esses ossos crescem e a face se alonga. Da mesma maneira, a inclinação da tuba auditiva (do ouvido médio para o orifício faríngeo) no início é quase horizontal e com o tempo se inclina em quase 45º.

Como quase não há inclinação na tuba da criança, o fluído preso atrás do tímpano é drenado mais lentamente. Essa drenagem lenta dá às bactérias do fluído mais tempo para se reproduzirem, o que explica por que a incidência de infecção de ouvido tende a ser maior em crianças.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível