×
Loading ...

Como usar o palato mole para treinar vocais femininos

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

O palato mole desempenha um papel importante na produção de som, portanto é um foco de igual importância em vocais femininos. O seu uso correto pode fazer a diferença entre um som ressonante rico e uma qualidade tonal fina e constrita. Isso faz com que se torne uma técnica fundamental para cantoras se especializarem. Veja abaixo o que fazer para usar o palato mole de forma adequada.

Instruções

Use o palato mole para treinar vocais femininos
  1. Localize o palato mole usando a língua ou o polegar. Em primeiro lugar, encontre a parte óssea, frequentemente chamada de céu da boca. Na verdade, é a parte da frente do céu da boca, também chamada de palato duro. Em seguida, alcance a parte de trás, além do palato duro, e encontre a área muscular macia na parede da garganta, que na verdade é a parte de trás do céu da boca. Esse é o palato mole.

    Loading...
  2. Abra sua garganta levantando seu palato mole. Dessa maneira haverá uma câmara de ressonância maior para sua voz, fazendo com que o som fique mais encorpado e rico. Imite um bocejo e perceba o que acontece quando sua garganta está completamente aberta e livre. Com prática, você consegue dominar o alargamento dessa área sem forçar um bocejo. Outra técnica de elevação do palato mole é abrir a boca visualizando e tentando criar um sorriso no fundo da sua garganta.

  3. Pratique cantando sons simples com a garganta bem aberta. Cante sons vocálicos longos e em vários tons. Ao cantar, perceba a sensação de sua garganta estar aberta, mentalizando de forma que aprenda a reproduzi-la quando desejar.

  4. Siga em diante cantando palavras de uma sílaba que terminem com sons consonantais e novamente em vários tons. Certifique-se de prolongar vogais o suficiente para que perceba a sensação da garganta aberta antes de vocalizar consoantes. Manter a garganta aberta ao vocalizar consoantes é desafiante, uma vez que a maioria é formada fechando-se os lábios. Por isso, lembre-se de nunca prolongar consoantes, somente vogais. Dessa forma, será bem mais fácil dominar a técnica do palato mole e produzir um tom mais encorpado e rico.

  5. Continue praticando esses exercícios diariamente até que consiga abrir sua garganta automaticamente, sem pensar. Uma vez que alcançar esse nível, você estará livre para concentrar-se na qualidade do tom produzido por sua câmara de ressonância "embutida".

Loading...

Dicas

  • Lembre-se de não prolongar vogais e consoantes em tempos iguais. Sempre prolongue vogais, nunca consoantes.
  • Preste uma atenção especial à técnica do palato mole adequada quando estiver tensa, ansiosa ou estressada. Esses são os momentos em que os músculos da garganta ficam mais propensos a contrair, impedindo-a de alcançar um tom de voz ideal.
Loading ...
Loading ...