O que é um paraplégico T8

Escrito por ellen swanson topness Google | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é um paraplégico T8
Uma lesão na medula espinal é aquela que causa perda de mobilidade e sensação (Keith Brofsky/Photodisc/Getty Images)

Uma lesão na medula espinal (LME) é aquela que causa perda de mobilidade e sensação. A maioria dessas lesões se deve a acidentes ou doenças, como a espinha bífida ou tumores. O paraplégico T8 é o indivíduo que tem um LME na oitava vértebra torácica.

Outras pessoas estão lendo

Significado

A LME nem sempre quando os ossos se quebram na coluna espinal, que consiste nas vértebras (ossos) que circundam e protegem a medula espinal. No entanto, quando a quebra afeta a medula há alguma perda motora ou de sensibilidade. Quanto mais alta a lesão na coluna, piores os efeitos. A oitava vértebra torácica (T8) está localizada no meio da porção inferior das costas e, portanto, afeta as pernas em vez dos braços ou da respiração.

Tipos

Existem dois tipos de LME: completa e incompleta. Diz-se que a lesão é completa quando não há sensação ou mobilidade abaixo dela. Já na incompleta há alguma função abaixo dela, normalmente mais em um lado que no outro. O indivíduo que é paraplégico T8 tem uma lesão completa.

Identificação

O paraplégico T8 é alguém cuja LME se encontra na oitava vértebra torácica. A medula espinal é composta, do pescoço para baixo, por oito vértebras cervicais, doze torácicas, cinco lombares e cinco sacrais. As lesões cervicais causam o maior dano porque são as mais altas. Os paraplégicos T1 a T8 são aqueles com lesões em um dos primeiros oito ossos torácicos, e que por isso não são capazes de usar as pernas. Também têm um precário controle do tronco, embora costumem manter bons movimentos nas mãos.

Características

Os paraplégicos T8 quase sempre têm outras dificuldades além da mobilidade e sensação. Algumas dessas áreas incluem disfunção da bexiga, assim como disfunção intestinal e sexual. Eles também são incapazes de regular a temperatura corporal, podendo sofrer de pressão sanguínea baixa.

Considerações

É interessante notar que quase 78% das LME ocorrem em homens. Quarenta e dois por cento das LME são causadas por acidentes automobilísticos, seguidos de perto por quedas. A frequência de lesões esportivas têm diminuído, mas as causadas pela violência cresceram. Como a maioria das LME, incluindo as lesões de T8, podem ser prevenidas, é importante adotar precauções normais de segurança no dia a dia. Isso inclui usar capacetes e cintos de segurança e não dirigir depois de beber. Como não é possível prever o que acontecerá, você pode se manter informado e ser proativo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível